11.16.2008

pensamentos catatónicos (155)

É importante falar de amor. Numa relação o primeiro tabu a surgir na comunicação entre ele e ela, normalmente, é o estado em que o amor entre ambos se encontra. É normal fugir ao tema, que ninguém gosta de se enfrentar a si mesmo. O problema surge quando se descobre que não há fuga possível.

13 comentários:

Olga disse...

O maior problema é quando o amor não é correspondido.

Ana Camarra disse...

Não há não, incontornavél...

Tiago disse...

Wise words.

bagaco amarelo disse...

olga, mas esse é um problema que se resolve mais rapidamente, ou melhor, está resolvido à partida. :)

ana camarra, pois não. :)

tiago, :)

Bela Isabel disse...

Amor, sim belissímo mas muitas vezes mal interpretado.

Anónimo disse...

A fartura, ou melhor, o excesso de possibilidades reais, também pode ser um problema porque nos deixa um bocado insensíveis...

N.

CCF disse...

Falar sobre o amor é importante, mas sem insistência nem obssessão...para dar lugar ao próprio amor.
~CC~

pukinha disse...

Também considero crucial numa relaçao que se fale do estado do amor. So com a comunicação a relaçao evolui...ou num sentido oou noutro.

bagaco amarelo disse...

bela isabel, é por causa disso... das más interpretações, que é um valor acrescentado comunicar mais... :)

N., pode sim... e é preciso assumir isso. :)

ccf, sim... a obsessão e a insistência nunca são boas... :)

pukinha, exacto, num sentido ou noutro. :)

Anónimo disse...

Pois é Bagaço...

Às vezes falar do que se sente, faz medo.
Nem sempre as palavras são justas.
Ou talvez, nem sempre as sabemos utilizar bem.

Mas continuo a achar que as palavras sobre o amor, são o "agasalho" do próprio amor...
Não alteram o estado da alma, claro... mas aquecem.
[Bom! Quando mal ditas, também arrefecem...mas essas não contam!]

Um beijo
Ana

bagaco amarelo disse...

Ana, "Às vezes falar do que se sente, faz medo." Pois... era mesmo aí que eu queria chegar. :)

Anónimo disse...

Olá
estou com esse problema atualmente!

Aliás eu e ele já tentamos falar (vamos falando), mas a conversa acaba sp por ser desviada p outros assuntos...
já nem sei o que sinto...

Acho q isso ñ é bom :(

p.s: sim estou a dar uma voltinha pelos posts antigos!! gosto tanto.

Ass.: caboverdiana em Lisboa

Bagaço Amarelo disse...

caboverdiana em Lisboa, que giro... lembro-me do que andava a sentir nesta altura. não era bom também... a nossa sorte é que nada é definitivo quando não é bom. :)