11.17.2008

conversa 1068

Ela - Quando é que vocês fazem anos?
Eu - Eu faço anos num dia e ela noutro.
Ela - Não é isso. Quando é que vocês fazem anos de casados?
Eu - Não fazemos. Já não estamos casados.
Ela - Sim, mas eu e o meu ex continuamos a fazer um jantar todos os anos no dia do nosso casamento.
Eu - Ah! Eu faço no dia do divórcio.
Ela - Mas isso é muito mau. Parece que estão a celebrar o fim.
Eu - Não... estamos a celebrar a mudança.
Ela - Prefiro fazer no dia do casamento.
Eu - Mas tu és divorciada...
Ela - Sim, mas pelo menos no dia em que faço esse jantar com ele, sei que a nova namorada dele fica roída de ciúmes. No dia em que começar a namorar nem sequer janto mais com ele...

29 comentários:

mfc disse...

É um pouco como o casal que fazia todas as semanas um jantar romântico!
Ele ia às terças e ela às quintas.

bagaco amarelo disse...

mfc, lol lol lol. :)

MMS disse...

Não compreendo as generalizações...

zeni disse...

Bagaço,

desculpa se estou a ser intometida, mas aqui fica a pergunta: o teu jantar de divórcio é com a tua ex?

Fá disse...

Não vejo grande lógica...se já se divorciaram para quê comemorar a data de casamento??

bagaco amarelo disse...

mms, lol... quais?

zeni, sim... claro. :)

fá, exacto. :)

zeni disse...

Bagaço:

Fantástico!

bagaco amarelo disse...

zeni, é normal... somos amigos. :)

zeni disse...

Bagaço,

discordo, desse teu "normal".O facto de serem amigos ajuda, mas não será só por isso...

bagaco amarelo disse...

zeni, sim... estatisticamente não é normal... :)

bia disse...

não sei, mas não me parece muito saudável... :s

Niagara disse...

"No dia em que começar a namorar nem sequer janto mais com ele..."
Tão viperino que isto é... é o que é. Mas é assim mesmo, nada a fazer.

Ana Camarra disse...

Eu conheço quem fez festa de divórcio, há gente para tudo....

beijos

[e]vil disse...

Lol Pelos vistos ela também tem ciúmes da nova namorada do ex-marido... :p

Trolha disse...

Há quem chame a isso ciúmes residuais.
Os homens amam através do ciúme mas as mulheres são ciumentas do Amor (Emanuel Wertheimer).

http://trolha-sexovirtual.blogspot.com/2008/09/cimes-residuais.html

bagaco amarelo disse...

bia, lol... nem a mim. :)

niagara, exacto. lol. :)

ana camarra, eu na altura não fiz... faço agora. :)

[e]vil, pensei nisso... mas não tive coragem de dizer. :)

trolha, já conhecia essa ideia... e em geral compreendo-a. :)

Jo disse...

eu tb celebro a minha separaçao mas sem ele :p :p
nos mulheres somos realmente muito inteligentes... e essa do "quando arranjar namorado nunca mais ha jantar" é uma prova :)

bagaco amarelo disse...

jo, lol... se celebras sem ele, ele celebra sem ti... também é inteligente, então. :)

Anónimo disse...

Esta conversa está deliciosa...

Afinal comemora-se o que se quer.
Uns a saudade. Outros a amizade. Outros a mudança. E outros não é bem uma comemoração... é mais o que implica a terceiros a comemoração (comemora-se algum poder que não queremos perder?).
Enfim...

Captas numa conversa, um humor ao qual é difícil de resistir...
E as "Elas" são extraordinárias.
São, são.

Um beijo
Ana

bagaco amarelo disse...

Ana, também acho sempre que elas são extraordinárias. :)

redonda disse...

O importante é comemorar, dever-se-íam fazer vários jantares, almoços, lanches, etc...e a certa altura até poder-se-iam encontrar para jantar e comemorar, a nova namorada dele e o novo namorado dela...

zeni disse...

De facto, a conversa está deliciosa! É muito interessante ver as diferentes perspectivas, que advêm das diferentes experiências e caminhos internos...

Eu celebro a mudança todos os dias, mas sem ele. Um dia talvez isso seja possível. Agora ainda não, há coisas ainda por ultrapassar. Para seguir em frente precisei de cortar radicalmente com o passado (foi possível, porque não há filhos).

bagaco amarelo disse...

redonda, eu concordo contigo. :)

zeni, tens razão. os filhos nunca são um pormenor na forma como as coisas correm. :)

brunhild disse...

Já não me recordo como aqui vim parar da primeira vez. Provavelmente terá sido de blogue em blogue. Com um título sugestivo como este... Fui ficando.
No entanto, devo confessar que, ao contrário da maioria, eu não me identifico minimamente com os diálogos que aqui vais reproduzindo.
Contudo, não consigo de lhes achar muita piada!
As idiossincrasisas femininas vs masculinas, sempre me fascinaram.
Ah! E gosto dos teus textos.
beijo

bagaco amarelo disse...

olá brunhild, obrigado pelo teu comentário... reparei que vives na melhor cidade do mundo. :)

Moika disse...

LOOOOOOL

Brutal ...

bagaco amarelo disse...

moika, :)

Red disse...

looool

bagaco amarelo disse...

red, :)