1.02.2009

uma vida normal

A partir da próxima segunda-feira vou voltar à minha vida normal e, portanto, este blogue também. Os últimos dias foram passados entre Aveiro, Arrentela (Seixal), Brunhido (Valongo do Vouga) e Salamanca. Não sei bem o que é uma vida normal mas vou voltar a ela.
Aos leitores e leitoras deste blogue agradeço a presença que, mesmo que não acreditem, contribui decisivamente para a minha felicidade. Por isso, em vez de um bom ano de 2009, prefiro desejar-lhes uma óptima vida normal.

26 comentários:

Pax disse...

Se fores feliz em todos esses locais e em toda a normalidade ou anormalidade... vale a pena :) Feliz ano!

Sayuri disse...

Uma óptima vida normal para ti também! :D

Ritinha disse...

LOL! E se preferirmos uma anormal, também pode ser?...

Liliane disse...

Feliz 2009, Bagaço Amarelo!!!

Que seu ano seja igual a vc: ESTUPENDO!!!

Beijos

mfc disse...

Ó Pá... desejas cada coisa mais difícil!!
Mas tá bem... obrigadinho.

Indecisa disse...

Pois eu trocava umas horinhas da minha vida normal, nao para ir a todos esses destinos mas Salamanca... :) Adoro a cidade e as recordações são tantas...

Sorrisos...MUITOS!

Anónimo disse...

Que bom sabê-lo de volta. Tenho sentido a sua falta.

Anónimo disse...

POR FAVOR........volte JÁ a escrever.
Já que não liga ao Natal
UM BOM ANO!!!!

Amélia

Alex disse...

Esse índice ivariano... UAU!!!
:o)

Laidita disse...

Uma vida normal era bom, era...

Luz do amanhecer disse...

Não há nada que deseje mais do que "manter a minha vida normal", com um pouco de excentricidades, de vez em quando.
Quer dizer que o que tenho chega para ser feliz!
Continuação de uma optima vida normal para ti!

Pepermind disse...

Eu tento fugir à vida normal ... mas só em pensamento ou a dormir ;)
Um ano excelente para ti!

maria_arvore disse...

Então uma excelente vida normal também para ti. :)
E que não nos falte a terapia de grupo. ;)

poeta de rua disse...

Obrigado bagaço. Para mim, poder voltar á vida normal, ao banal, ás rotinas...é bom. ás vezes arrelio-me com a sucessão de certos dias que parecem sempre iguais, mas depois, por alguma razão normalmente triste, toda a vida se altera, e aí é um desejo enorme de regressar ao banal, "áquilo" onde me sinto segura. Sei que não te referias á saída de algum momento menos bom para regressar á tua vida normal, mas apeteceu-me deixar aqui o que pensei ao ler a tua postagem.

Dinis Gorjão disse...

Felizmente volta ao normal, ja estou habituado à leitura diaria deste cantinho da blogosfera.

Meredith disse...

Nem sempre a vida "normal" nos traz coisas boas ... mas obrigada na mesma. :)

pieces of me (Luna) disse...

convidadissimo a participar no desafio presente no meu blog

Casquinho disse...

viva a vida pa, o teu livro já cá canta.

redonda disse...

Obrigada :) e uma óptima vida normal em 2009!

K disse...

E eu prefiro indubitavelmente esses votos sem prazo de validade! És cá dos meus! Para ti também! ;]

Trolha disse...

Tb eu.

efe disse...

Muito obrigada! Uma vida normal até nem será mau...mas uma vida normal pode ser muita coisa, como sabe...enfim, a cada um a vida normal que deseja...

Beijito

Anónimo disse...

Sucesso em 2009 Bagaço. Ainda espero ver seu livro aqui no Brasil.

Abraços

Anônimo Brasil

bagaco amarelo disse...

pax, tens razão... :)

sayuri, :)

ritinha, pode... se conseguires que a anormalidade nunca se torne a tua normalidade. :)

liliane, obrigado... assim eu coro. :)

mfc, os desejos têm a mania de não pensar em facilidades. :)

indecisa, nesse aspecto estamos iguais. :)

anónimo, obrigado. :)

Amélia, não ligo ao Natal mas fico com tempo para ir para onde me apetece... é por isso. obrigado pela simpatia. :)

alex, :)

laidita, lol. :)

luz do amanhecer, as excentricidades fazem parte da vida normal, não fazem? :)

pepermind, já não é mau. pode ser mais do que suficiente. :)

maria árvore, exactamente, lol. :)

poeta de rua, obrigado pelo que deixaste. :)

dinis gorjão, obrigado. :)

meredith, tens razão, sim. acho que isso tem que ser assim. :)

pieces of me (luna), lá irei. obrigado. :)

casquinho, obrigado. :)

redonda, :)

k, um abraço. :)

trolha, :)

efe, pois pode... tanta coisa que nunca é, de facto, normal. :)

anónimo Brasil, obrigado... quem me dera que isso fosse possível. :)

sem-se-ver disse...

bom ano, ivar.

beijo.

bagaco amarelo disse...

sem-se-ver, obrigado e bom ano para ti tb. beijo. :)