8.17.2008

o truque da manhã seguinte

Cientistas britânicos decidiram fazer um estudo para chegar à conclusão a que já todos tinham chegado há séculos. Menos eles, claro: com os copos, as pessoas do sexo oposto parecem mais bonitas.
Quando li esta notícia lembrei-me imediatamente dum cartaz que vi no melhor bar do mundo, o Clandestino em Aveiro, e que diz: "beer, helping ugly people having sex since 1862" (cerveja, ajudando as pessoas feias a terem sexo desde 1862).
O que a notícia não explica e devia explicar, provavelmente porque estes cientistas britânicos só descobriram isto agora, é como enfrentar a manhã seguinte, quando acordamos sóbrios e descobrimos que a pessoa ao nosso lado não é tão bonita como pensávamos. Pior ainda, quando descobrimos que a pessoa ao nosso lado descobriu que nós não somos tão bonitos como ela pensava. Em ambos os casos aconselho a sair imediatamente da cama, tomar um banho e ir beber um café a um sítio bonito (uma esplanada numa praia, por exemplo). Não se deve ficar deprimido porque, afinal de contas, se teve e se proporcionou uma boa noite.
Mais ainda, o teste da manhã seguinte é o ideal para encontrar um parceiro a sério. O truque é ir bebendo e levando para a cama quem se conseguir. Um dia que se acorde com uma pessoa que é tão bonita de manhã como na noite anterior, deve ser ela...

15 comentários:

Olga disse...

Bem...vou abrir a garrafita de medronho que trouxe de Monchique! lol ;)

ups disse...

A minha teoria é parecida.

Gosto de que a minha parceira tenha um bom acordar e como tal a manhã seguinte é fulcral. Pessoas que acordam de mau humor e que só grunhem até ingerirem doses industriais de café não obrigado.

bagaco amarelo disse...

ola, essa é capaz de transformar o Vitalino Canas na Paris Hilton. :)

ups, estou contigo. :)

Surpresa disse...

Pior do que descobrir a beleza, ou falta dela, na manhã seguinte é descobri-la no desenrolar da 'festa'.

bagaco amarelo disse...

surpresa, lol. para isso não acontecer, não se pode deixar de beber. :)

Maldonado disse...

Pelos vistos os cientistas britânicos descobriram uma lapalissada (verdade de la Palisse), pois toda a gente, intuitivamente, sabe disso, não é preciso ser-se cientista... LOL

Olga disse...

Hum...isso seria um verdadeiro pesadelo! É melhor deixar o medronho sossegado! ;)

bagaco amarelo disse...

maldonado, pelos vistos estes cientistas nunca beberam... ;)

olga, lol... se eu tivesse aqui uma de medronho, não a deixava sossegada... :)

Pax disse...

A técnica nao parece ser má de todo... mas a taxa de sucesso é que deve ser muito baixa.
;)

STP disse...

Eu gostava era de saber como é que eles projectam esses estudos! É fácil dizer 'ah e tal cientistas descobriram', mas o que é realmente interessante é perceber como é que chegaram a essas conclusões. Já estou a imaginar um ensaio que meta álcool, gajos, gajas... tipo ratinhos de laboratório!
O que complica esse tipo de estudos é que o que é bonita para mim, pode ser terrorífica para ti, com e sem copos :P

bagaco amarelo disse...

pax, a taxa de sucesso é sempre baixa, em todos os métodos. por isso. :)

stp, eu também não sei muito bem mas, neste caso, gostava de ter feito parte do estudo. :)

Pax disse...

Acho que nunca vou deixar que nenhum homem beba demasiado perto de mim. Assim tenho a certeza de que não se ofusca e não vê coisas que não existem. Evitam-se desgostos matinais ;)

bagaco amarelo disse...

pax, quando se acorda já tarde, o desgosto pode não ser matinal, mas eu cá acho que fazes bem. nem precisas. :)

Pax disse...

B:)a:)g:)a:)ç:)o:), :)

bagaco amarelo disse...

pax, :)