4.23.2010

wonderbra

Não dá, não dá! Queres fazer amor comigo sem tirar o wonderbra! Era o Pedro Abrunhosa que cantava isto há uns anos atrás, talvez sem se dar conta que Wonderbra não é um tipo de sutiã mas sim uma marca que conseguiu impor-se de tal forma no mercado que uma coisa e outra confundem-se. Diz-se hoje que se tem um Wonderbra sempre que se tem um sutiã que põe as mamas para cima e num volume generoso. É a mesma coisa que dizer que se tem um Kispo ou um Black & Decker quando na verdade não se tem.
É verdade que esta conquista desta marca de sutiãs se fez por ser um produto apetecível mas, na minha modesta opinião, também porque conseguiu fazer sempre (ou quase sempre) campanhas com uma grande imaginação, muitas vezes sem mostrar o próprio produto e sempre sem cair na brejeirice. Aliás, acho fantástico que alguns dos outdoors criados para vender um sutiã só apareçam... homens. 


12 comentários:

Gasosa disse...

O "wonderbra" também pode ser culpado por muitas tristezas e não só alegrias. Imagina quantos homens não engataram miúdas com peitos de sonho, que afinal apenas estavam bem acondicionados, revelando-se dois penduricalhos medíocres até ao umbigo?

Há realmente marcas que se sobrepõem ao produto em si. O caso mais descarado é a Gilette.
Poderemos falar também nos Cornettos, Magnuns e Calippos.
A Sumol, a Compal, a Coca-Cola e a 7up também viraram sinónimos de qualquer zurrapa equivalente à bebida que representam.
Dava pano para mangas...

bagaco amarelo disse...

gasosa, dava sim. :)

Sayuri disse...

Bem, já agora, temos também no sector feminino o caso Rímmel (máscara e olhos) e o caso Lycra (meias de nylon) :)

pó de arroz num ataque de escrita crónica disse...

a publicidade está fantástica! coitado do senhor...

bagaco amarelo disse...

sayuri, temos... estes dois casos eram só exemplos. :)

pó de arroz num ataque de escrita crónica, coitado... depende do ponto de vista, lol. :)

sem-se-ver disse...

belissimos anuncios! nao conhecia, obg

bagaco amarelo disse...

sem-se-ver, obrigado eu, pela presença. :)

Anónimo disse...

Vender sonhos é uma arte.
Beijo x
P.S.

bagaco amarelo disse...

anónima, tens razão em chamar sonho ao wonderbra, lol. :)

memyselfandi disse...

:D:D:D:D

Anónimo disse...

Muito bons. No primeiro caso ... mesmo com aquelas mãozinhas... comprava...comprava sim sr...

bagaco amarelo disse...

memyselfaandi, :)

anónimo, :)