1.22.2011

respostas a perguntas inexistentes (117)

Eu gosto de futebol, principalmente porque o futebol tem mais de estupidez do que de desporto ou cultura e, se escavarmos bem essa estupidez, encontramos algo parecido com o Amor, que na verdade também tem a mania de ser estúpido.
No futebol existem os adeptos do Porto, do Sporting, do Benfica, do Braga, do Guimarães e um que é do Beira-Mar. Esse do Beira-Mar sou eu, e de vez em quando até vou aos jogos. Foi nesses jogos que descobri que o futebol é tão estúpido quanto o Amor, e foi assim que passei a gostar dele.
Por exemplo, se num jogo com dez mil adeptos do Porto e dez mil adeptos do Benfica houver uma falta, dez mil acham que é de facto falta, outros dez mil acham que não é falta e que o árbitro roubou. Ninguém está a mentir. Esses milhares de adeptos acham mesmo que é assim. E esse fenómeno repete-se no tempo em inúmeras faltas, penaltis, foras de jogos e afins. Ninguém vê a verdade a não ser que a queira. É como no Amor.
Eu lembro-me, por exemplo, de me recusar a ver que uma mulher não gostava de mim, e não estava a mentir quando afirmava aos céus que ela me amava. Era nisso que eu acreditava porque era isso que eu queria. A verdade era substituída pela verosimilhança e isso fazia-me bem.

17 comentários:

a-que-quer-voar disse...

já passo por aqui há algum tempo, mas sempre tive inércia de dizer coisa alguma.
mas desta vez não deu, é que nunca tinha reparado em tão escandalosa semelhança.. a verdade só depende dos olhos de quem a vê.
haja a ciência x)

Fatyly disse...

Apesar de não gostar nada de futebol gostei desta tua ligação ao que por vezes sentimos/vemos sem dar oportunidade a defesas:)
Parabéns e subscrevo!

redonda disse...

Finalmente a grande revelação: quem é o adepto do Beira-Mar :)



Já pensei que seria bom ter uma máquina do tempo para descobrir onde é que está a verdade...mas se calhar depois também iria depender se se estava à direita ou à esquerda da máquina...

xarmus disse...

Pois... boa comparação. E quando se é filiado num partido politico, também é parecido.

Salsa disse...

o futebol em Portugal ´´e pura palhaçada, com tantos problemas que o pais e os portugueses tem a importância que ´´e dada ao futebol ´´e ridícula.
eu desde o dia em que vi duas pessoas agredirem-se fisicamente por causa de um jogo de futebol passei a detestar um jogo em que os intervenientes ganham aquilo que ganham e aqueles que nada ganham se de-gladiam por causa daqueles que nada fazem e tudo deviam fazer.

Anónimo disse...

a verosimilhança é uma questão fundamental. mais importante do que ser, é parecer, a velha questão... não há obra de literatura que vingue se não for verosímil. e no Amor, deverá também acontecer o mesmo.

Mikas disse...

três adeptos do Beira, se faz favor. os de cá de casa também contam. ;)

Palaroide disse...

Gosto quando de repente alguém consegue, de uma forma simples e "gráfica", descrever coisas abstratas e complexas. Vou arriscar dizer que esta é uma das minhas descrições preferidas de AMOR (ou das relações amorosas)...

Celeste disse...

já te disse num post anterior que vou ao futebol gritar...rir...para mim o futebol não é estupido. talvez por não o sentir com o coração.

bagaco amarelo disse...

a-que-quer-voar, obrigado pela tua presença. :)

fatyly, obrigado. :)

redonda, essa é fácil. é à esquerda. sempre à esquerda. :)

xarmus, em alguns partidos políticos sim, é verdade. :)

salsa, concordo que o futebol enquanto indústria é uma estupidez maior. :)

anónimo, exacto. :)

mikas, bem me parecia que éramos quase cinco. :)

palaroide, obrigado. :)

celeste, mas... se não o sentes com o coração, vais lá gritar porquê? :)

Happy Bubble disse...

Foi de facto uma comparação muito bem feita.
Como te compreendo. Por mais que acreditemos, não quer dizer que seja a realidade.

bagaco amarelo disse...

happy blue, exacto. às vezes é só a nossa realidade. :)

memyselfandi disse...

Também tenho um bocado a mania de me agarrar à "minha realidade"...

Celeste disse...

para destressar mas não o sinto com o coração. é uma terapia controlada.

bagaco amarelo disse...

memyselfandi, temos todos, temos todos... :)

celeste, ena! acho isso fantástico. :)

C disse...

Mas o amor pode ter a natureza sublime de ambas as partes ganharem. Quanto a mim...roubam sempre a Briosa ;)

bagaco amarelo disse...

c, lol. tens razão, sim. :)