5.19.2010

pensamentos catatónicos (207)

Hoje de manhã, como noutro dia qualquer, os automóveis tomavam parte na enorme discussão em que a cidade se transforma em todas as horas de ponta. O meu também, admito, ora porque o condutor da frente demorou muito a perceber que o semáforo mudara para verde, ora porque uma carrinha pisou um risco contínuo para se meter à minha frente. Buzino, sem perceber que uma buzina é o pior que há em nós. Buzinar é repreender apenas pela forma e não pelo conteúdo, já que não se diz uma única palavra. É só um grito estéril de mensagem e pleno de raiva gratuita. É nisso que nos transformamos repetidamente todas as manhãs.
Hoje de manhã, como em nenhum outro dia, cansei-me. Encostei o carro e li o jornal lá dentro enquanto a discussão continuava. Acho que já houve momentos na minha vida em que o próprio amor foi assim: uma discussão de buzinas surdas. Ainda bem que, também aí, encostei para ler o jornal...

21 comentários:

C disse...

Há que acrescentar palavras às buzinas! O trânsito das cidades poderá mostras o “trolha” que há em todos nós. Enchamos as ruas de “buzino-piropo” muito “únicos”!
O meu poderia ser qualquer coisa tipo bip-bip, sai da frente, vem para trás, ou... com esse chassis encostava-te já ali à parede…(Se se fecha a porta dos piropos em obras, que se abra a janela dos piropos nas vias!! :P)

Boxexas disse...

Se bem que no Amor, essas discussões surdas por vezes ferem mais do que palavras ditas.
No transito é o caus.

bagaco amarelo disse...

c, boa ideia. :)

boxexas, eu até acho que ferem sempre mais. :)

Malena disse...

Devo dizer-te que ODEIO quando as pessoas desatam a buzinar! Especialmente quando estão em "quinquagésimo" lugar numa fila e o fazem no exacto segundo em que o semáforo fica verde... Só serve para alterar os ânimos! Buzinar, só discretamente, quando alguém está distraído ou quando há perigo.

bagaco amarelo disse...

malena, e eu estou contigo. :)

Anónimo disse...

E há artigos tão interessantes. ;)
Beijo x
P.S.

bagaco amarelo disse...

anónima, vai havendo... :)

GiGi disse...

Em meio à discussão do trânsito, uma boa saída. Entretanto, no amor isso não é bom.

Eli disse...

Quando houver mais algum exemplar, dizes-me onde está, sff?

:)

bagaco amarelo disse...

gigi, depende... pode ser bom e pode ser mau... :)

eli, é o esquerda. :)

GiGi disse...

Mau quando caminha para o término. Bom quando é só uma fase! :-)

Celeste disse...

eu buzino Bagaço mas para falar às pessoas! Ainda hoje o fiz! As minhas discussões não são buzinadelas surdas! mas tb não sei muito bem o que são!

bagaco amarelo disse...

gigi, quando caminha para o término pode ser mau, sim. mau para o amor mas acaba por ser bom para a vida. :)

celeste, eu percebo... não és só tu. :)

Fatyly disse...

Eu desligo o carro e leio mais uma página do livro, mas buzinar só em caso de uma emergência. Aliás é uma das regras do código da estrada e eu não sou como muitos que se esquecem das regras.
Quanto ao amor passar a "uma discussão de buzinas surdas" nada como fazer o que dizes porque num patamar desses já não há nada que faça andar.

bagaco amarelo disse...

fatyly, pois não, não há... é ler mais uma página, de facto. :)

SM disse...

Aahhh..como eu gostava de ter encostado mais vezes e ler em vez de me irritar sem razão...

bagaco amarelo disse...

sm, acredito... :)

GiGi disse...

Tudo tem um lado bom! Eheheheheh

bagaco amarelo disse...

gigi, exactamente. :)

Anónimo disse...

Nao sei o que é pior, a buzina surda ou o encostar para ler jornal? Cá por mim há controversas

bagaco amarelo disse...

anónimo, nunca sabemos... nunca sabemos... :)