5.07.2010

o amor faz bem

Diz-se que são loucos os que falam sozinhos. Somos todos loucos, portanto, pelo simples facto de pensarmos. Eu, que penso pouco, tenho em média um momento de loucura por dia, que é quando digo a mim mesmo que amar faz bem. E tento lembrar-me de mo dizer mesmo todos os dias. É uma regra.
Em criança fartei-me de ouvir velhos sábios a enumerar as coisas que supostamente me fariam bem durante a vida. Assim aprendi que a beterraba faz bem ao sangue, que a cenoura faz aos olhos, que o exercício faz bem ao corpo, que as palavras cruzadas fazem bem ao cérebro, que poupar faz bem à conta bancária e que o mercúrio faz bem às feridas. Nunca ninguém me disse que o amor faz bem.
Cresci e percebi a custo que esses velhos sábios falharam. Esqueceram-se do mais importante. Hoje de manhã acho que percebi porquê, porque é que eles falharam. É que não se consegue saber a que é que o amor faz bem, e mesmo dizer que faz bem a tudo é empobrecer a ideia. Devemos portanto dizer apenas que o amor faz bem, sem especificar a quê, e dantes, quando eu era criança, ninguém se atreveria a dizer uma coisa dessas. Podia parecer pecado.
Mas voltemos a hoje de manhã. Estava a chover depois de alguns dias de Sol e eu despedi-me da minha companheira com um beijo rápido, entrei no carro e acelerei em direcção ao emprego zangado com a chuva por isso mesmo. É que a chuva tem a mania de encurtar a duração dos beijos. Depois, no primeiro semáforo em que parei, um homem e uma mulher despediam-se. Ela ia a conduzir e ele ia aproveitar o sinal vermelho para sair. Entretanto mudou para verde e eles continuaram a beijar-se, com ele já de porta aberta e pernas de fora, aproveitando ainda o abrigo do automóvel. Eu ia buzinar para que eles se despachassem mas travei o meu impulso a tempo. Não ia fazer com que aquele homem fosse para o trabalho com a mesma sensação de beijo curto que eu tinha, pois não? Não, e quando ele finalmente acabou, olhou para mim e sorriu-me Acho que nos entendemos. É que o amor faz bem.

39 comentários:

A Voar disse...

Despedi-me com um beijo fugido de manhã, porque saio sempre atrasada. Disse-lhe que não queria ir e ele respondeu "então fica aqui". Encostei-me a ele e eternizei 1 segundo para levar melhor o resto do meu dia. O tempo também nós o fazemos. Um beijo :)

Brandie disse...

Que texto giro. A boa notícia é que os beijos são como o Natal, é quando o homem (e a mulher) quiser. Por isso, logo há mais:P

bagaco amarelo disse...

a voar, verdadinha, o tempo também nós o fazemos. :)

brandie, para mim não há nada logo à noitinha... nada mesmo... :)

areianegraemarbranco disse...

Oh, adorei o texto, até o transcrevi para o meu blog. Está fantástico.

Quanto aos beijos, bem quem não gosta de beijos?

Anónimo disse...

Parabéns pela descrição do episódio desta manhã. Alegra toda e qualquer pessoa que o leia.

Fenix disse...

Sem dúvida!
O amor faz bem a tudo!
E a falta dele faz mal a tudo.

Ainda bem que não buzinaste!

Bom fim de semana!

EJSantos disse...

Desde que conheci a minha mulher passei a ver melhor!
Passei a dormir melhor!
Passei a respirar melhor!
(...)

:-)

GiGi disse...

Oh, Bagaço... Que fofo, que coisa mais linda!

"Não ia fazer com que aquele homem fosse para o trabalho com a mesma sensação de beijo curto que eu tinha, pois não?"

Ontem mesmo estava a pensar que amor não existe. O que existe são sensações, sentimentos, atitudes que condizem com esse amor "inventado" pelos humanos.

No entanto, acho que compreendo de que amor você está a falar. E esse, sim, faz muito bem :-)

Um beijo longo e ensolarado :-*****

bagaco amarelo disse...

anónimo, obrigado. :)

areianegraemarbranco, obrigado. :)

fenix, bom fim de semana também. :)

ejsantos, :)

gigi, outro beijo, então... e sim, é mesmo esse amor. :)

Anónimo disse...

Opa, nestas alturas, detesto geografia! ;)
Beijo X
P.S.

Sérgio disse...

Adorei o texto! E como disse alguém aqui: O amor faz bem a tudo!
E a falta dele faz mal a tudo.
Completamente de acordo.

bagaco amarelo disse...

anónima, e eu meteorologia :)

sérgio, exacto. obrigado. :)

Natália Augusto disse...

Sabe bem ver quem se ama aos beijos. Sim, fez muito bem em não buzinar. Teria quebrado o encanto do momento do casal. Os primeiros beijos de despedida dados logo de manhã são muito especiais, garanto.

:))

bagaco amarelo disse...

natália, :)

Anónimo disse...

Querido, o que é uma chuvinha comparada com a distancia..nadinha! ;)
Beijo x
P.S.

Su (Glamour In Stiletttos) disse...

Bem... este mexeu comigo sem dúvida alguma.
Mexeu comigo pela forma como descreveste o episódio mas sobretudo pela forma como pareces sentir as coisas.

Não sei porquê, mas ando num período em que preciso disso... se sentir assim e fazer sentir!

Maria Albertina disse...

gostei :)
e depois de ler ... só me apetecia ter como super poder a capacidade de me tele-transportar para um sítio que eu cá sei... nem que fosse só para um beijo curto.

bagaco amarelo disse...

anónima, isso é certo. não é nadinha, não. :)

Su (Glamour In Stiletttos), pelos visto até estás a conseguir. :)

maria albertina, o que eu te percebo. :)

Anónimo disse...

Pois, ate se consegue mudar de clima se mudarmos de lugar...;)
Beijo x
P.S.

bagaco amarelo disse...

anónima, às vezes... :)

The Fine Pair disse...

Se faz, Bagaço, se faz...

E, nos momentos em que o amor não é (tão) possível, tenho este teu texto para me confortar a alma.

Izzie disse...

o amor faz bem...sem duvida uma boa afirmação. e é tudo tão melhor quando há amor à nossa volta. bonito post.

Fatyly disse...

e deveria haver mais esse entendimento mas a maioria não vê e sente as coisas como tu!

Talvez um dos textos mais belos que li nos últimos tempos!

Planeta M (Marlene) disse...

A sensibilidade masculina sem pudor ou constrangimento... Adorei!

Planeta M

Eli disse...

Hmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm

O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.
O Amor faz bem.

:)

Anónimo disse...

Realmente nao tem sensao de vazio maior que a de um beijo curto e eu que o diga. Que a muitos muitos anos atraz dei um beijo de despedida a alguem que nunca mais tive a opotunidade de voltar a beijar, e ate hoje que ja passaram mais de 20 anos sinto o vazio desse beijo corrido e sem sabor.Amar faz muito bem, e triste quando perdemos essa capacidade.

Closet disse...

e quantas vezes não vamos apertados por dentro pelo vazio daquele beijo que apressado quase nem aconteceu?? nunhum mail, sms ou telefonema o devolve, aquele instante que nos fugiu... 10 anos de casada fazem-me compreender isso perfeitamente e questionar porque raio inventaram os relógios que nos roubam beijos diariamente! bjs sem pressa! adorei o texto

Someone named Bani disse...

Amei *

calamity disse...

Bagaço...


este texto fez-me um buraco no coração, como diria o meu amigo Antiácido. Logo no meu, que é bulletproof...tu às vezes devias ter uma versão light, para não fazer mal.
Porra pá!
Enfim.
Aínda bem que o PEC aínda não atingiu o amor e os beijos :(

Porra, pá, já me puseste melancólica

Paulo disse...

Muito bem dito, muito bem feito! Gostei bagaço!

sophie disse...

É mm verdade que o amor faz bem...

E ainda bem que a buzina não se fez ouvir... :)

Paula Raposo disse...

E faz mesmo bem!!
Beijos.

Boxexas disse...

Pois é, o amor faz bem a tudo...Já a paixão faz mal a muita coisa.

Adorei o texto!Genial.
Bjinhos

maria disse...

E verdade... o amor faz tao bem...

bagaco amarelo disse...

the fine pair, obrigado. :)

izzie, obrigado. :)

fatyly, obrigado duas vezes. :)

planeta, m, obrigado. :)

eli, :)

anónimo, :)

closet, bem verdade. :)

someone named bani, obrigado. :)

calamity, obrigado, só não fales muito alto que ainda criam um imposto especial para quem ama. :)

paulo, obrigado. :)

sophie, obrigado. :)

paula raposo, obrigado. :)

boxexas, acho que um e outro estão em pé de igualdade. :)

maria, yep. :)

Myann disse...

Hoje despedi-me à pressa da pessoa que amo... Vai para os Açores durante dois anos... e eu não sei quando consigo ir ter com ele. O beijo podia ter sido longo, mas a sensação de falta iria ficar na mesma.

bagaco amarelo disse...

myann, :)

Celeste disse...

Este pelo menos não é enlatado...

bagaco amarelo disse...

celeste, :)