4.29.2009

respostas a perguntas inexistentes (56)

Zangou-se com a mulher que mais ama no mundo. Depois percebeu que a solidão que sentia quando estava de facto só era diferente daquela que sente agora. Quando estava só era como se o mundo o tivesse abandonado. Agora sabe que o mundo não o abandonou mas ela sim. E como o mundo não o abandonou passa a ser ele as coisas. Ele e o banco de um bar, ele e o banco de um jardim, ele e a montra de um pronto-a-vestir, ele e as escadas em caracol de um edifício cansado. Detesta mais esta solidão em que está com as coisas do que a outra, aquela em que estava realmente só.

15 comentários:

Giovana disse...

Será que a solidão é mais triste do que o vazio?

bagaco amarelo disse...

giovana, boa... é bom quando alguém compreende mesmo que escrevo. :)

Larose disse...

pois mas isso é mais uma fase necessária para se se abrir novamente as portas do coração!

Ai meu Deus, que me está dar pra parvalheira!

Lizard King disse...

São estes os sentimentos que predominam na mente de muitas pessoas para se manterem no "sozinhas no meio da multidão"

Giovana disse...

Uai... É memo?? Que bom! LOL

OBS: tenho 2 blogs ^^

o do lado disse...

Acho que a pior solidão é aquela que sentimos quando nos sentimos sozinhos apesar de sermos amados...

Canto Definido disse...

São palavras que tenho mastigado muito ultimamente, só a escova de dentes lhes tem sentido o sabor desagradável ;|

Bichana disse...

Esses arrufos de namorados passam...

bagaco amarelo disse...

larose, não sei se é necessária para isso... no meu caso é necessária para acabar com o stock de bushmills lá em casa. :)

lizard king, são sim... acho que passa por aí. :)

giovana, hoje vou lá vê-los. :)

o do lado, eu nunca experimentei pior, de facto, mas nunca estive preso em Guantânamo, por exemplo... :)

canto definido, és tu e a escova de dentes, nesse caso. sempre é melhor que o banco de um bar. :)

bichana, às vezes passam definitivamente. :)

luís disse...

A solidão assemelha-se ao silencio, algumas vezes não nos diz nada, outras... diz-nos tudo!

bagaco amarelo disse...

luis, a mim tem a mania de não me dizer muito. :)

So_risoIncógnito disse...

A solidão tem destas coisas... e o pior realmente é quando se está acompanhado e se sente só, do que quando realmente está só! O estar sozinho é o estar sozinho e ponto, o sentir-se só com as coisas é o vazio que se tem perante o não estar definitivamente sozinho mas sentir-se só!
Confuso mas acho que dá para entender ;)
so_risos**

bagaco amarelo disse...

So_risoIncógnito, dá para entender muito bem o que, só por si, já explica muita coisa. :)

Red disse...

:,)


(andei um tempo desaparecida mas estou de volta. vá, mais ou menos. queima das fitas :S )

bagaco amarelo disse...

red, sobreviveste. já não é mau. :)