3.22.2011

conversa 1743

Eu - Com este Sol e estás de gola alta?
Ela - Tenho dois chupões no pescoço.
Eu - Ainda bem que são no pescoço e não na cara, senão acho que andavas de máscara.
Ela - No mínimo ficava doente e não ia trabalhar.

17 comentários:

Pusinko disse...

Muito bom. Eu fazia de volta a quem se atrevesse a fazer-me 1 chupão na cara........ Assim, iamos ser 2 doentes :)

Helena disse...

No mínimo...:)

TaViTa disse...

Nem sei q diga!...
O q vale é q nem tdas as mulheres ñ são assim!

Close up! disse...

Até a percebo...
É uma vergonha do caraças!

Olga disse...

Ainda hoje tento perceber qual é o prazer disso mas não consigo mesmo lá chegar. Parece-me sempre uma coisa vampiresca! ;)

Salsa disse...

o amor e a paixão tem esses efeitos secundários!

Briseis disse...

É por essas e por outras que a nossa produtividade é nula...

bagaco amarelo disse...

pusinko, lol. :)

Helena, :)

Tavita, :)

close up, :)

olga, acho que é uma espécie de urina territorial. :)

salsa, exacto. lol. :)

briseis, bem... a economia paralela, os salários baixos e a corrupção também conta. :)

Davi Scherer disse...

E há aqueles que chamam de picada de mosquito.

Fatyly disse...

Alguém sabe por acaso a factura que se poderá pagar pelos "chupões"? pois...informem-se e tomem cuidado!

bagaco amarelo disse...

davi scherer, grande disfarce. :)

fatyly, ei! a sério que não sei do que falas. :)

Fatyly disse...

Geneticamente, os chupões são mais perigosos nas mulheres do que nos homens, embora nestes também já tenham ocorrido casos idênticos:

Um chupão provoca um hematoma, que como qualquer outro deverá ser tratado convenientemente. Este é por sucção, outros por pancada, certo?
Qualquer hematoma surge pelo rompimento de vários vasos sanguíneos e no pescoço (o mais perigoso) pode atingir uma artéria e o consequente "coágulo" (porque não houve derrame do sangue para o exterior) viajar pela circulação sanguinea até ao cérebro ou pulmões e o resultado por vezes é catastrófico, como um AVC!

Não sou médica e muito menos querer dar lições, mas aprendi muito e fui sempre "mais além" para aprender mais sem medo de fazer perguntas e mais perguntas que tanto chateiam os médicos.

bagaco amarelo disse...

fatyly, não fazia ideia... obrigado. :)

sophie disse...

:)

bagaco amarelo disse...

sophie, :)

Cármen disse...

O comentário da Fatyly está esmerado...
E sinceramente não sei qual é o prazer de nos estarem a chupar a ponto de nos magoarmos. Uma coisa não trincas suaves, que excitam pelo toque suave, outra é um chupão. Ainda por cima na cara!

bagaco amarelo disse...

cármen, também não sei. :)