10.02.2008

podem pensar o que quiserem, só não podem votar como quiserem

A tacanhez no partido Socialista é desesperante. Há um passo civilizacional para ser dado mas, por razões de oportunidade, o líder parlamentar socialista reiterou a posição de voto contra as propostas do BE e d'Os Verdes a favor dos casamentos homossexuais. Enfim, vocês podem pensar o que quiserem, só não podem votar como quiserem. Refira-se que a razão de oportunidade é só uma: o PS sabe que tem milhares de eleitores tacanhos e que, se aprovar este projecto de lei, perde esses votos.

p.s.: a propósito do comentário do Nélson, deixo aqui o link para o fabuloso texto: Afinal, quem é maricas?

7 comentários:

Nelson Peralta disse...

Como diz hoje o Miguel Vale de Almeida: Afinal quem é maricas?

mfc disse...

Ó Ps... com a verdade me enganas!

bagaco amarelo disse...

nelson peralta, lol... tá fixe. :)

mfc, é com a verdade e com a mentira. enganam-nos sempre. :)

poeta de rua disse...

concordo bagaço. o ps não vai levar isto a avante para já, com medo de perder as eleições. é tudo oportunismo.

heidy disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
heidy disse...

Existe um artigo na CRP, que nos dá direitos, liberdades e garantias. O problema é que nem sempre somos respeitados enquanto cidadãos. Porque não deixar essas questões por conta própria? porque razão há-de o Estado intitular-se com o poder paternal sobre o povo português? não somos crianças. Podemos fazer as nossas escolhas. Actuar com livre arbitrio... desde que não se interfiram sobre os direitos de terceiros. Que me interessa se o Manuel não casa com a Maria? E se este escolheu casar com o João? Ninguém manda nos sentimentos. Não acho contra- natura. Cada um tem a natureza que tem, e não tenho nada a ver com isso. Se desejam esse direito, que lhes seja atribuido. Trabalham. Pagam os seus impostos. Acho que devem ter o mesmo estatuto que a minha pessoa. Digo eu...

bagaco amarelo disse...

poeta de rua, com três eleições para o ano, a coragem política diminui.:)

heidy, sim, também acho tão simples quanto isso. :)