9.17.2008

sexo e géneros na juventude socialista





Eu sou a favor dos casamentos entre pessoas do mesmo género. Aliás, chamem-me extremista se quiserem, sou até a favor dos casamentos entre pessoas da juventude socialista. A única ressalva que coloco, no caso dos casamentos entre membros da juventude socialista, é que cada um dos elementos do casal deve poder exercer livremente a sua opinião na vida matrimonial, sem que o Sócrates vá para lá mandar bitaites sobre as suas opções de vida. Aliás, isso já está a acontecer e, depois de ter feito estes cartazes tão queridos, os tipos daquela jota na Assembleia da República vão votar contra os projectos do Bloco de Esquerda e d'Os Verdes de alteração ao Código Civil para a celebração de casamentos homossexuais.
É óbvio que estes projectos vão ser chumbados pelos senhores deputados, a meu ver infelizmente, mas pelo menos fica demonstrada a forma patriarcal como o Partido Socialista funciona. A juventude tem que fazer tudo o que pai Sócrates manda.

11 comentários:

Ana disse...

Grande post!!! :D

Duas considerações:

1. Os portugueses (homens) são contra o casamento e relações homosexuais (homo...) mas são totalmente a favor das relações lésbicas 8) por isso é que cartazes com mulheres em beijos carinhosos/sexuais...

2. Eles só votam contra pq a malta da esquerda tem a mania de mandar a roubar o protagonismo ihihih

(leia-se com um sorrizinho sacana)

bagaco amarelo disse...

ana, também reparei nisso nos cartazes. elas tocam-se... eles nem por isso. lol. :)

Paulo disse...

Bagaço,

Ao que parece a JSD juntou-se à festa da defesa dos casamentos homossexuais, porém a adopção de crinaças nem pensar...

No antropocoiso está discussão tb está lançada!

Quanquer dia ainda vemos a Manuela Ferreira Leite a pedir a Nogueira Pinto em casamento... e o Paulo Porta (invejoso) ainda pede o Socrates em casamento (no conceito dele deve ser um bom partido)!!!

Um abraço!

that's all folks disse...

não sou do partido socialista, cruzes canhoto!! mas não acredito que no fundo, a maioria dos deputados socialistas adultos não seja até defensor do casamento gay... mas neste país da treta e em vésperas de eleições, o que falta ao partido socialista é coragem política, apenas isso... deram um passinho em relação à lei do aborto e isto no tempo do sampaio... salazar já morreu mas deixou por aí muitos salazarentos, cavaco nunca deixaria passar uma lei dessas e isso poderia trazer muitos votos à outra senhora que acha que o casamento serve para procriar... o partido socialista adulto nunca terá coragem de votar uma lei dessas favoravelmente, quando muito fará o que guterres fez na altura aquando do aborto... poderá propor referendo, sabendo de antemão como votarão a maioria dos portugueses...

é triste mas é o país que temos...

bagaco amarelo disse...

paulo, o Portas nunca conseguirá casar com o Sócrates. O Sócrates detesta a Catherine Deneuve. :)

that's all folks, acho que tens razão. O ps é essencialmente um partido de oportunistas que abdicam dos princípios para ter poder político. :)

Paulo disse...

É verdade... concordo com ambos!

bagaco amarelo disse...

paulo, pois... não há outra forma. :)

Cesar disse...

as jotas coladas aos partidos são absolutamente inúteis. Não têm autonomia e não conseguem atrair os jovens para a política.
Dizem-se mto rebeldes mas no fim do dia têm de prestar contas ao papá. Faz-me lembrar uma colega de liceu que se revoltou com a mamã e saiu de casa. Mas não sem antes exigir à mamã que lhe pagasse as propinas e a renda do quarto.
A organização dos partidos é um problema muito maior do que nos dá a parecer, porque são o reflexo da vida profissional.

bagaco amarelo disse...

cesar, eu concordo mais ou menos contigo. as jotas são uma forma de trazer jovens para os partidos sem os trazer para a política, o que é ainda mais grave. Aliás, o Bloco não tem jota por opção, por exemplo. :)

BlankPage disse...

Coragem política mesmo a sério seria a descriminalização das drogas leves..isso é que seria mesmo benéfico..

Mas isto realmente anda aos passinhos..se consideram a hipótese de casamento já a adopção nem pensar...é um mundo cheio de paradoxos o nosso Portugal..Ainda por cima com uma maioria absoluta no Parlamento..deve ser mesmo falta de b...coragem política, porque na realidade eles têm poder quase discricionário para fazer o que querem..

(ah..para jota jeitosa temos a Marta Rebelo..sim sim..seria uma hipótese a considerar..ainda por cima apeteceu-me dar-lhe um pouco de spanking qdo a ouvi na Sic Notícias a debitar juízos socialistas sobre a lei do divórcio..djeezus..)

bagaco amarelo disse...

blakpage, eu concordo contigo em tudo o que dizes. :)