9.26.2008

conversa 969

Ela - A minha mãe passou por nós, há dias na rua, e depois perguntou-me quem tu eras.
Eu - A sério?
Ela - Sim, perguntou-me se eras o meu namorado e tudo.
Eu - Ena...
Ela - É que ficou preocupada. Disse-me que tinhas um ar assim... despenteado, foi o termo que ela usou.
Eu - Ah!

11 comentários:

Blackstar disse...

Ora, eu não sei se considerei mais perturbador o "gadelhudo" (adjectivo para o meu ex-marido quando o viram) ou o "homem normal" para outro que conheceram depois...

bagaco amarelo disse...

blackstar, lol... homem normal também não gosto. :)

Nuno disse...

"(Só em pensamento) Foda-se!" LOL
Que agradável hein? :)

The Boy disse...

Olha antes despenteado que tarado, ou algo pior! :) O penteado resolve-se com uma ida ao barbeiro.

bagaco amarelo disse...

nuno, éne agradável. :)

the boy, não deixas de ter razão... e por acaso deve ser isso. Já devia ter ido ao barbeiro. :)

selita disse...

Deixa estar...as mães nunca gostam deles, há sempre qualquer coisa que não gostam! ;)

bagaco amarelo disse...

selita, é o síndrome da droga... da sogra, digo. :)

Cesar disse...

autch! "despenteado" cheira-me a eufemismo!
que rica sogra vai dar a senhora!

Lita disse...

Por mais fantástico que eu o ache, a minha mãe tem sempre o hábito de dizer "que homem mais feio", tentanto impingir-me o filho da vizinha, por quem eu, geralmente, sinto tanta empatia como pelo buraco de ozono. Deve haver padrão qualquer por aí...

Naturezas disse...

Lool, sinceramente as mães deviam era estar caladinhas quanto aos namorados ou amigos das filhas ;)

bagaco amarelo disse...

cesar, na verdade é uma hipérbole... eu, tirando de manhã, ando sempre penteado. :)

lita, um aviso sério: não cases com o vizinho... dá sempre mau resultado, a não ser que seja o Abramovich, claro. :)

naturezas, concordo contigo. :)