2.01.2009

esqueça, o gosto dos homens nunca vai mudar



A imagem de cima, com Mena Suvari no filme "Beleza Americana", tornou-se um ícone da sensualidade feminina após a exibição do filme. Os iogurtes brasileiros FitLight inspiraram-se nela, substituindo a Mena por uma mulher bem mais forte, e juntaram-lhe a frase "Esqueça, o gosto dos homens nunca vai mudar". Fizeram o mesmo com mais duas imagens...
O primeiro erro desta campanha é partir do princípio que, só por ser gorda, uma mulher já não é sensual. Na verdade até acho a imagem da publicidade atraente. O segundo erro é partir do princípio que as mulheres devem emagrecer por causa dos homens e não por causa delas mesmas.
Quando vejo este tipo de publicidade penso sempre na quantidade enorme de mulheres que, por se sentir gorda, deve desviar os olhos e olhar para o chão com alguma tristeza; penso ainda nas vítimas da anorexia e na estupidez em que o mundo às vezes se consegue tornar. Pelos vistos, há publicitários que não pensam...

38 comentários:

saves disse...

Concordo plenamente com o que disse. Quem dera todos os homens pensassem assim

Fenix disse...

Não posso estar mais de acordo!!!
Sou mulher, não sou magra, nem gorda. Mas já fui...
Já experimentei ambas. Posso dizer que eu não gostei de me ver (nem sentir) quando estava gorda e nem quando estava magra.
Quanto à opinião masculina a esse respeito..., não tive queixas quando estava gorda, mas tive quando estava magra!
Agora estou jeitosa..., tenho curvas femininas!

Gostei de ler!

Abraço
Fenix

Lizard King disse...

A publicidade é dos principais meios de baixar a auto-estima ás mulheres...são constantes os apelos à perfeição, às medidas padrão que alguém decidiu que são o que os homens gostam :/
Felizmente, nos ultimos tempos este tipo de publicidade também despertou alguma consciência em alguns homens e levou a que cada vez mais destronizassem esses padrões ficticios de beleza photoshop...felizmente estamos a evoluir :)

Miss Kitty disse...

Não poderia estar mais de acordo! Principalmente sendo mulher..

BJS*

Rak disse...

Da minha parte deixo-te um grande agradecimento... o mundo cada vez esta mais complicado nesse aspecto... cada vez se olha mais para a mulher como um objecto sem sentimentos... mas pronto... acontece e as pessoas ligam mesmo a essas palavras...

Cheila Pacheco disse...

Esta é clássica... Não sabia que se chegava a estes pontos!

TM disse...

Demasiadas vezes esquecemos que uma pessoa é muito mais que um corpo... E que um corpo belo não implica uma bela pessoa...

Jeanette Zork disse...

Os publicitários deveriam ler mais Paulo Coelho, e cito:

"É essa a lei da natureza... que todo aquele que se casa com uma modelo magra, anoréxica, bulêmica e nervosa logo procura uma amante cheinha, simpática, tranqüila e cheia de saúde. "
O importante é que uma mulher cuide de si, sinta-se bela quando se olha ao espelho, e não quando vê o suposto reflexo nas capas de revistas ou filmes. Mas a sociedade em que vivemos impôs a ditadura da beleza e torna pessoas lindas e maravilhosas em pessoas infelizes e deprimidas!

Gostei do post...bom trabalho!

Zork Kissis****

Anónimo disse...

A gorda é estilizada e atraente, até. Não convinha pôr alguém repugnante, obesa a sério. E a mensagem não as afasta completamente, e até introduz algo que a foto da Mena não tem: alegria! A pub é estúpida porque mais uma vez reforça o olhar do homem como determinante nas escolhas da mulher MAS capitaliza um facto inegável: a "embalagem" conta muito numa mulher!

N.

ComoHacerElAmor disse...

nas veces a gente acredita que engordar e o final do mundo , mais na realidade é o començo do outro!

cexy disse...

Esta lembra-me uma outra publicidade que passou por cá, acho que da corporação dermoestética que dizia "Os homens não gostam de celulite". Achei igualmente vergonhosa. Até quando os publicitários vão continuar a minimizar as mulheres e a apelar às suas inseguranças??
Besito

Júri Faustino disse...

E a quantidade de mulheres (e homens também) que ao emagrecerem melhoram a sua saúde, a sua qualidade de vida, ganham anos de vida e tornam-se mais felizes?
Isto não é uma crítica ao teu post, mas nunca consegui perceber bem onde está o equilíbrio, pois tenho a certeza que muita gente que emagrece, que faz exercício físico, fica a sentir-se melhor e é, em parte por essa via, mais feliz.
Ou seja, nunca percebo se são mais os infelizes por serem gordos, ou os felizes por terem emagrecido...

Peregrina disse...

Concordo em absoluto. E, aliás, nem considero a 2ª mulher gorda.. Talvez com um excesso de peso, mas nada de sobrenatural. Não podia concordar melhor com o teu comentário. Assino por baixo!

bagaco amarelo disse...

saves, que todas as pessoas pensassem assim... :)

fenix, ena... a cho que também tenho curvas femininas, lol. :)

lizard king, concordo. :)

miss kitty, sendo pessoa... :)

rak, algumas ligam, sim... principalmente se tiverem quinze anos. :)

cheila pacheco, chega sim... é um abuso. :)

Jeanette Zork, eu não leio paulo coelho... mas gostei desta. :)

N, mas é suposto não gostares dela. :)

como hacer el amor, :)

cexy, acho que é até elas deixarem de consumir por causa de publicidade como esta. :)

tm, concordo. :)

júri faustino, claro. por isso é que digo "O segundo erro é partir do princípio que as mulheres devem emagrecer por causa dos homens e não por causa delas mesmas"... :)

peregrina, :)

Juky disse...

Obrigada por este post! :)

Ainda bem que há homens que pensam assim! :)

bagaco amarelo disse...

juky, sim, homens e mulheres... :)

Juky disse...

Eu sei e ainda bem que assim é! :)

Nokas disse...

Gostei Bagaço.
Mas a pressão é muita e são tantas as mulheres que se cuidam pra agradar outros e não elas mesmas. Temos 1 complicómetro por natureza, mas este tipo de publicidade dificulta ainda mais.
Obrigada por postares as imagens e a tua opinião de maneira tão clara.
Bjos

Bruno Fehr disse...

Nao vejo qualquer insinuação na publicidade que seria por causa dos homens. Esse anuncio usa habilmente o fascínio das mulheres por corpos esculturais.

As mulheres se pudessem escolher, escolheriam ser como a primeira e não estariam a pensar em agradar o homem.

Björn Pål disse...

A publicidade tem razão... além do mais o Bagaço Amarelo esqueceu-se de dizer que para além de magras (e com mamas pelo menos médias), elas têm de ser jovens, no limite da ilegalidade.

Olga disse...

É melhor avisar esses publicitários que a "embalagem" pode ter as medidas xpto e ser linda de morrer mas vazia não serve para nada.

bagaco amarelo disse...

juky, :)

nokas, isso eu sei. vivo com isso há anos, lol lol. :)

Bruno Fehr, a frase "esqueça, o gosto dos homens nunca vai mudar" parece-me óbvia. :)

Björn Pål, lol... :)

olga, esses publicitários não devem conseguir compreender isso... mas vale sempre a pena tentar. :)

Salseira disse...

Um post destes pode fazer bastante pela auto-estima das mulheres. :)

Carla disse...

faço meus os teus pensamentos...até porque a beleza é algo mais do que gordura/magreza...é intrínseca e isso as mulheres deviam saber

Miss G disse...

Penso que o marketing pisa muitas vezes a ténue linha que separa a motivação saudável do exagero. Isso vai-se reflectir não só nas relações entre homens e mulheres, como entre mulheres e a da mulher consigo mesma.
Também acho a segunda imagem atraente, apesar de a modelo não ter as medidas "ideais". Muito mais simpática que até.
Este assunto dava pano para mangas... mas cabe a todo o homem e mulher aceitar-se e ao outro não só pelo exterior mas também, e em boa quota, pelo interior.

Blue Mayfly disse...

Bahhh... Estou farta desta ditadura da magreza e destes estereótipos.
Eu estou uns quilos acima desse ideal de beleza, reconheço.
Só que... eu não sou feliz a comer folhas de alface, cenoura raspada e maçã, a fazer exercícios que mais parecem torturas da idade média e a passar dias a chá para desintoxicar o corpo de toxinas.
Pelo contrário, eu sou feliz a comer a bela da mousse de chocolate e a bela da francesinha sem pensar nos milhões de calorias que elas têm e que tenho que ir dez vezes ao ginásio na próxima semana para me livrar delas.
Ser diferente desse esterotipo de beleza, não quer dizer que eu não seja uma mulher bonita, que se cuida e é vaidosa e adora andar bem arranjada.
Cada um devia ser feliz como é, com a imagem que tem e o peso que tem.
Os tipos dos iogurtes light, à custa da minha auto-estima, não fazem negócio!
Além do que existem tantos "gostos de homem" quantos tipos de corpo feminino.
Tenho dito. :D :D :D

pagu disse...

Tenho vergonha da publicidade daqui do meu país...
Não apenas dessa vez, mas em muitos outros casos são estúpidas :(

pagu disse...

Tenho vergonha da publicidade daqui do meu país...
Não apenas dessa vez, mas em muitos outros casos são estúpidas :(

bagaco amarelo disse...

salseira, e pela minha também. :)

carla, concordo. :)

Miss G, percebo perfeitamente o que dizes. :)

blue mayfly, fixe... e por acaso mulheres roliças e atraentes há muitas e, de facto, são uma melhor companhia num restaurante do que as magras. :)

pagu, não te preocupes. não é só no teu país. antes fosse... :)

zeni disse...

Nota mental: da próxima ver que for ao Brasil, não comer iogurtes "Fitlight".

Neni disse...

Parece mentira que uma coisa destas circule por aí.
Fico deveras revoltada!

O seu tio do Algarve disse...

Descobri o seu blog há dias. Gostei imenso e em particular desta etiqueta da mulher na publicidade.Parabéns.
Alguém tem que dizer qualquer coisa sobre este tema. Também já o tinha abordado.
Para as nossas rainhas portuguesas aqui vai o link:

http://empresaportuguesa.blogspot.com/2008/04/as-nossas-rainhas.html

subtilezas disse...

é como diz o bill hicks: se és publicitário ou do marketing, mata-te. (isto e inglês fica melhor)

nat disse...

Não consigo deixar de imaginar o que terá pensado/sentido a modelo que foi fotografada para a campanha.

Nenhuma mulher é uma ilha disse...

Também não podemos culpar os publicitários, a moda, whatever, pelo nosso parco julgamento. Eu sou gorda e nunca achei que deveria mudar porque o mundo em redor me pressiona. Também sinto pressão para deixar de fumar...

bagaco amarelo disse...

zeni, lol. :)

neni, há tanto por fazer... :)

O seu tio do Algarve , obrigado. :)

subtilezas, lol... pois fica, mas mesmo assim está bem. :)

nat, sim... é interessante pensar nisso. :)

Nenhuma mulher é uma ilha, eu não os culpo. tenho pena deles... de resto, culpo a indústria da moda, principalmente. :)

Giovana disse...

Não se pode negar que o machismo impera muito forte no Brasil.

Quem vive aqui, sabe...

Um beijo!

bagaco amarelo disse...

giovana, era bom que fosse só o Brasil :)