3.12.2010

conversa 1450

Ela - Desde que me divorciei já tive não sei quantos casos... mas nenhum se transforma numa relação.
Eu - Percebo isso perfeitamente. No fundo foi o que me aconteceu também.
Ela - Há sempre qualquer coisa que falha ou que compromete a coisa, mesmo quando parece que está tudo a ir bem.
Eu - Sim, é verdade. Se bem que eu acho que normalmente o principal problema é nós não nos apaixonarmos verdadeiramente pela outra pessoa ou a outra pessoa por nós.
Ela - Pois... se calhar é isso, mas no fundo há uma coisa que já aprendi com isto tudo.
Eu - O quê?
Ela - Cada vez que se tem um affair, o melhor é aproveitar e ter o máximo de sexo possível enquanto dura.

20 comentários:

Paulo disse...

Isso pode ser bom para desfrutar o momento e sentir-se temporariamente bem.

O pior é depois... ficará bem com a sua própria consciência?

Paulinha disse...

Sinceridade e sentido prático acima de tudo... lol...

B. disse...

Palavras sábias :-)

bagaco amarelo disse...

paulo, com a consciência, neste caso
concreto, acredito que fique bem. acho que a instabilidade que surge tem a ver com a nossa estrutura emocional. :)

b, sábias são... :)


paulinha, yep. :)

LoveSpells disse...

Apoiado!!!

Malena disse...

Mas um affair não é mesmo para ter sexo?? Se for para mais do que isso é uma relação... :-)

bagaco amarelo disse...

lovespells, :)

malena, um affair pode ser só um aconchego... acho eu. :)

Myann disse...

Bem, que seja bom enquanto dure :P

Fatyly disse...

Se já teve "não sei quantos casos" e que não deram em nada..."beba um copo de água em vez de... ou utilize algo...não digo:)".

A meu ver um "affair" não significa apenas e tão só "sexo".

Enfim...

Miguel disse...

Porque vivo eu em Lisboa?

Vocês vão muito à frente!!!

;)

Abraço

bagaco amarelo disse...

myann, yep. :)

fatyly, lol... eu também acho que um affair pode ser outra coisa q2ue não sexo... mas isso é uma questão de semântica. :)

miguel, não te queixes... em Lisboa não estás nada mal que eu bem sei. :)

Maria Albertina disse...

isso também vale para não divorciados...lol...acho que se vai subindo na escala etária e descendo na facilidade de encontrar pessoas para manter uma relação minimamente duradoura.

bagaco amarelo disse...

maria albertina, vale para todos. :)

Hysteria* disse...

completamente de acordo com a lógica do não apaixonar verdadeiramente! Tanto controlo, tanta coisa pa fazer o certo e dps o essencial vai.se! :S *

Merdinha*

bagaco amarelo disse...

hysteria, yep... :)

Paula Raposo disse...

Uma certa razão...

bagaco amarelo disse...

paula raposo, também acho... :)

Ritinha disse...

Eu tb ja aprendi esta licao... LOL!!!! ;)

Ritinha disse...

Eu tb ja aprendi esta licao... LOL!!!! ;)

bagaco amarelo disse...

ritinha, é uma lição para a vida. :)