10.09.2012

conversa 1943

(num bar)

Ela - É uma pena que os homens não saibam andar devagar numa relação.
Eu - Devagar?!
Ela - Sim, devagar. Quando começam querem logo tudo e mais alguma coisa: casar, viver juntos, ter filhos, etc...
Eu - Nunca tive a noção disso, para ser sincero. A minha filha nasceu dez anos depois de eu começar a namorar com a mãe dela... e a maior parte dos meus amigos não andou muito longe disso.
Ela - Tu tens quarenta e um anos. Eu estou a falar dos miúdos que agora têm à volta de trinta.
Eu - Mas tu também tens quarenta e um. Andas com algum tipo de trinta?
Ela - Mais ou menos.
Eu - Mais ou menos? Ou andas ou não andas.
Ela - Lá está. Eu dei-lhe uma abébia e o tipo já quer vir viver para minha casa.
Eu - Uma abébia?!
Ela - Sim, levei o tipo para a cama uma noite. Agora telefona-me todos os dias, manda-me flores e enfim... eu já lhe disse que não estou numa de namorar com ninguém. Quero liberdade. O meu ex-marido já me chegou para a vida inteira no que diz respeito a dores de cabeça.
Eu - Mas isso não é ele que quer andar depressa demais. É ele que quer uma coisa e tu que não queres nada. Quando a questão é só andar mais depressa ou mais devagar, as coisas até podem ter solução.
Ela - Pois, se calhar é. Nesse caso é uma pena que os homens não saibam ter uma relação mais sexual e menos emocional. Neste momento era o que eu queria.
Eu (risos) - Alguns devem saber.Tens que procurar melhor.
Ela - Sim. Os casados sabem quase todos ter uma amante só para sexo. Isso também já descobri.
Eu - E isso preocupa-te?! Se queres só sexo qual é o problema de ser com um gajo casado?
Ela - Quero só sexo, sim, mas não quero ser a segunda. Quero ser a primeira.
Eu - Já não percebo nadinha.
Ela - Nem eu. Vamos pedir mais um tintol destes de seis euros?
Eu - Sim, é o melhor.

25 comentários:

Mam'Zelle Moustache disse...

Engraçado, eu percebi perfeitamento tudinho do que disse esta "ela". Só não percebi a parte em que ela diz que, tal como tu, também já não está a perceber... Porque, repito, eu entendi tudinho mesmo e, para mim, faz todo o sentido! ;)

Quase nos "entas" disse...

UPS....
e eu que me achava complicada....looooooooooollll
Eu homens casados é que não...obrigadinha :)

Alexandra disse...

Esta conversa vinda de uma mulher tem muito que se lhe diga... enfim, parece que os papéis se andam a inverter e não é pouco!

James Dillon disse...

Ainda me lembro de me dizerem com cara muito séria, naquele tom de quem sabe mais, de quem tem experiência escondida debaixo das crostas secas na pele, e me diziam muito convictos,
- os homens falam com as mulheres para levá-las para a cama,
- e as mulheres que fazem?,
- vão para cama com os homens para que eles falem com ela,

também a sapiência consuetudinária levou um "update" de sistema operativo aparentemente,


cumprimentos,
JD

Timido disse...

Engraçado que esse era o principal motivo de queixa há uns anos atrás...
Nos meus 20's todas as mulheres se queixavam que os homens queria uma relação sexual e não emocional...
É sinal dos tempos... da evolução das espécies... Só não sei se a que evoluiu foi a espécie masculina ou a espécie feminina...

Bagaço Amarelo disse...

Mam'Zelle Moustache, esse "nem eu" foi só para rematar a coisa, acho eu. :)

quase nos "entas", olha que a oferta é grande. De homens casados, digo. :)

alexandra, ou é da idade. :)

james dillon, e se estas coisas fossem assim tão lineares, já não era mau. :)

timido, era o vox populi dos meus vinte, também. :)

Anónimo disse...

Desculpa faz ela muito bem, é só um caso e nada mais. Aja alguém que assim é, sofre muito menos

Kelly disse...

Que comédia! Dilemas universais e muito engraçados. Vou mostrar esse texto pra algumas amigas e sei que vão concordar com ela.

MiCéu disse...

...que mulher é esta??...deixa muito a desejar!!...ou seja,de Mulher,no verdadeiro sentido da palavra,não tem nada!!

Bagaço Amarelo disse...

anónimo, lá está. a idade, ou experiência, conta. :)

kelly, acredito que sim. :)

MiCéu, olha que, como mulher, tenho-lhe um respeitinho enorme. :)

Never Told Words disse...

Nunca ninguém está bem com o que tem lol :)

Bagaço Amarelo disse...

never told words, nem com o que não tem. :)

Anónimo disse...

"Vamos pedir mais um tintol ..."
Ah, mais um tintol. :-)

EJSantos

Bagaço Amarelo disse...

ejsantos, é um bom final. :)

Quase nos "entas" disse...

Bagaço e eu não sei????
Até assusta...acredita....
desde que me separei que parece que os "senhores" pensam que podem dar aqui voltinhas....
Olha que realmnete,,,
ainda não ando a fichas ;)

Bagaço Amarelo disse...

quase nos "entas", és a milésima mulher a dizer-me isso, portanto não é apenas a tua verdade. é a verdade geral. :)

T. disse...

Não sei por que será, mas eu entendi ;)

Fatyly disse...

Mesmo sem tintol de seus euros, não percebi nada.

Subscrevo inteiramente por ser bem verdade o comentário de "Quase nos entas".

Bagaço Amarelo disse...

t., :)

fatyly, :)

Margarida disse...

E eu que pensava que os homens é que queriam relações sexuais e as mulheres relações emocionais. Estou desactualizada!

Bagaço Amarelo disse...

Margarida, eu quero as duas coisas. Não é isso o normal? :)

Margarida disse...

Mas queres as duas coisas numa mesma relação né?
Se assim for, sim, acho que é normal.

Bagaço Amarelo disse...

margarida, claro que sim... :)

Anónimo disse...

ter sexo com homens casados, concordam com isso? ainda sou muito novinha, mas parece-me que isso é uma coisa muito feia de se fazer. e nojenta.
se não quer ser a segunda, procure alguém para ser a primeira, ora.
não sou casada e portanto isso nunca me aconteceu. mas num caso muito próximo a mim, aconteceu o sr. porco arranjar uma segunda sr. porca. provavelmente uma mulher como estas, que não tem problemas nenhuns em infiltrar-se em casamentos, mesmo que seja só uma vez.

Bagaço Amarelo disse...

anónimo, os casamentos só são infiltrados quando já não têm valor nenhum... quando são uma hipocrisia. :)