10.26.2009

loiras na pré-história

Um estudo científico demonstra agora que os homens pré-históricos preferiam as mulheres loiras de olhos azuis. Mais ainda, esse mesmo estudo diz que as loiras de olhos azuis apareceram durante o fim da idade do gelo como uma reacção à escassa presença do género masculino. Basicamente, como havia poucos homens, e por isso uma maior pressão sexual, começaram a aparecer mulheres loiras para captar maior atenção do género masculino. [link]
Para além da inveja que tenho de todos os homens que viveram na idade do gelo, acho que consigo delinear uma estratégia para seduzir mais facilmente uma mulher loira: grunhir enquanto se bate fortemente com as mãos nos pêlos do peito. Está-lhes no código genético...
E pronto, agora vou só ali ensaiar uns grunhidos e ver se os dezasseis pêlos que eu ontem tinha no peito ainda lá estão.

19 comentários:

Diaboderoupacurta disse...

LOL Eu só loira e tenho olhos azuis e acredita, não é com grunhidos que vais la! lol ;P

Giovana disse...

Pensei que estudos antropológicos racistas/preconceituosos já tinham caído da moda...

bagaco amarelo disse...

diabo de roupa curta, não? estou tramado... é que não estou a ver outra maneira. lol. :)

giovana, se é científico não pode ser preconceituoso... :)

susana disse...

Bem... adorava perceber esse mito das loiras... acho que está mais ou menos explicado! os homens ainda vivem na pré-história! :)
Só uma curiosidade: esse "mito" resulta tanto com as loiras naturais como com as artificiais?

Bichana disse...

Mau!!!!!!!!!!!!!!!! :(

bagaco amarelo disse...

susana, lol... na verdade acho que funciona mais com as artificiais, aquelas que pintam as raízes dos cabelos de preto. :)

bichana, lol. :)

Diaboderoupacurta disse...

Agora surge uma questão, gostas das loiras de olhos azuis? (não vale dizeres que sim, só porque sou loira)

bagaco amarelo disse...

diabo de roupa curta, não tenho qualquer pré-requisito de âmbito somático. Posso gostar de uma loira de olhos azuis, duma preta de olhos pretos, duma morena de olhos castanhos ou de outra coisa qualquer. A minha companheira que mais tempo esteve comigo é loira de olhos azuis, sim. Actualmente tenho uma companheira bem morena. :)

Olga disse...

Nos dias de hoje, devido "à escassa presença do género masculino", as mulheres pintam o cabelo, metem mamas de plástico, unhas falsas, esticam as peles...

Então (segundo essa teoria) a diferença entre a pré-história e o século XXI é...?

loira disse...

Também acho que não vais lá com grunhidos!
Mas achei gira a história. :)

Sandra disse...

É impressão minha, ou esta foi mais uma forma de chamarem "Burras" e "Básicas" às loiras?

Giovana disse...

Exatamente! :-)

Aliás, esqueça os grunhidos, não combinam com você! ^_^

Larose disse...

ahahahahahahahahahah

cá pra mim esse estudo teve a mesma encomenda que o da vacina da gripe A

Paula Raposo disse...

Ele há cada estudo!!!

ecila disse...

Bagaco, só para corrigir, cientifico pode ser preconceituoso sim. Que a mim passam-me pelas maos muitos estudos cientificos preconceituosos, infelizmente. Os estudos cientificos sao feitos por humanos, e nao máquinas neutras. Ainda bem por um lado, ainda mal por outro ;)

bagaco amarelo disse...

olga, nos dias de hoje há homens a mais... não deve ser por isso. :)

loira, estou tramado, lol. :)

sandra, eu até nem acho... acho só que é uma explicação para a baixa produção de melanina em indivíduos
do sexo feminino em determinado período da História.

giovana, :)

larose, lol. :)

paula raposo, eu acho este estudo interessante. :)

ecila, que um cientista possa ser preconceituoso, sim, é verdade. a ciência em si, penso eu, é o oposto ao preconceito. Aí sim, percebo o que dizes... :)

Blue Eyes disse...

Está explicado porque casei com o meu marido... ;)
Não é por acaso que lhe costumo chamar Cro-Magnon... 'está-me' nos genes!

Até breve.

Olga disse...

Hum...??? Homens a mais? Onde? Tenho de ir até Aveiro!!! lol ;)

bagaco amarelo disse...

blue eyes, lol lol lol. :)

olga, em Aveiro, sim, por exemplo. :)