11.30.2011

respostas a perguntas inexistentes (189)

dar uma foda
"Dei uma foda" é a pior maneira de dizer que se fodeu com alguém, mas há quem o faça. O verbo "dar" é um verbo merdoso para usar no Amor e no Sexo que, digam o que disserem, têm muito em comum e ainda bem. Não é que foder e Amar seja a mesma coisa, porque não é, mas que uma coisa implica a outra lá isso implica. Pelo menos enquanto houver força na verga.
O problema disto é que o verbo "dar" é um verbo padreca, ou seja, é um verbo próprio da desigualdade e, portanto, da misericórdia. Alguém dar uma coisa a outro quer dizer que alguém tinha a mais do que o outro. No Amor isso é mentira. Pelo menos no Amor a sério, aquele em que o Sexo tem um fade out de quinhentos beijos enquanto o tesão amolece com o entardecer. No bom Sexo fode-se mas nunca se dá uma foda.
Depois sobra o défice de quem dá. Quem dá uma esmola na rua a um pobre raramente percebe que do outro lado está uma pessoa, ou seja, uma vivência. É por isso que considera o verbo "dar" adequado à situação. É esse o défice do benfeitor e o riso de quem recebe. Mas "dar" é o verbo mais estúpido do mundo, porque também é o mais hipócrita e mentiroso. Ninguém dá nada a ninguém. Na melhor das hipóteses redistribui, e portanto repõe alguma justiça no mundo mundo, ainda que pouca. É assim na Economia, em que há ricos e pobres. Não é assim no Amor, em que só há ricos.
Na Economia, de facto, dá-se uma foda. No Amor fode-se.

28 comentários:

São Rosas disse...

Muito bom!
Autorizas-me a publicar este teu texto (com os devidos créditos, e link para aqui, claro) no blog «a funda São»?

Anónimo disse...

Bem, desde que não me fodam o juizo!
EJSantos

Poison disse...

concordo plenamente! "dar uma foda" prece que se esta a dar uma esmola a alguém que não nos deu nada... os dão os dois ou não da nenhuma!

o mesmo de sempre. disse...

muito bom. totally agreed.

Rui Pi disse...

Discordo. A expressão "dar uma foda" só tem toda essa conotação negativa que escreveste se for dito de uma forma negativa por uma "pessoa negativa".
Um casal pode sair de um quarto, ambos com um sorriso maroto, e dizer "demos uma foda". Isso é mais do que sinal de que foi Sexo do bom.

bagaco amarelo disse...

são rosas, até agradeço. :)

ejsantos, lol. :)

poison, exacto. :)

o mesmo de sempre, obrigado. :)

rui pi, deram um ao outro. foi uma troca. :)

São Rosas disse...

Combinados ;O)
Quando tiveres mais textos "destes", avisa.

São Rosas disse...

Aliás... se quiseres passar a publicar textos teus n'a funda São, eu teria todo o gosto. É só dizeres e envio-te o convite: afundasao@gmail.com

sem-se-ver disse...

no amor nunca se fode. nem se dá uma foda.

(sim, sei, sou antiquada)

Pipoca dos Saltos Altos disse...

Concordo, parece que se está realmente a dizer que se deu uma quequa de mesericórdia alguém. Fode-se, é o que se faz :)

Fotos ES3P disse...

Ninguém anda a "dar" fodas, anda tudo a perdê-las!

bagaco amarelo disse...

são rosas, obrigado. dá-me algum tempo... que actualmente quase nem durmo... :)

sem-se-ver, quer dizer... a mim, pelo menos, já e aconteceu. :)

pipoca dos saltos altos, mainada! :)

fotos ES3P, nem sei... não tenho essa visão. :)

Maria disse...

Pois, a economia está-me sempre a foder, ainda agora no subsídio de natal, fodeu-me (ou deu-me uma foda) à grande.

bagaco amarelo disse...

maria, também a mim... também a mim... quer dizer, a mim ainda me vai dar. :)

Carmo disse...

Não vejo a expressão "dar uma foda" como tu a interpretas. Para mim é o mesmo que dizer "vou foder"

Seja no presente ou no passado: vou dar... dei...

Fatyly disse...

Eu acho que o verbo dar nos termos em que descreves "da foda à economia" para mim é mais autoritarista e inquisitória, porque em muita coisa, incluindo no ou o Amor é mesmo dar sem esperar nada em troca!

Muito bom!

bagaco amarelo disse...

carmo, eu odeio o verbo dar, mas admito que é uma questão pessoal. :)

fatyly, boa! obrigado. :)

Anónimo disse...

se o acto de dar, o que quer que seja, é sinal para quem dá de superioridade( económica ou outra qq ) de facto não se está a dar, mas sim a dizer o que somos - mesquinhos!

se se dá, com gosto e com alegria porque estamos a partilhar o que temos ou sabemos com outros, então o dar não é negativo, porque faz bem, não a quem recebe, mas a quem dá, que está pleno e tem que dar. é por isso que os amnates ficam felizes e gratos, por o outro receber o seu amor, porque estavam tão cheios, que transbordam, e essa energia tem que ser recebida pelo seu amado ( espero que te revejas nesta bagaço )

claro que " dar uma foda " é esse acto mesquinho, de quem pensa que por dar está a fazer um favor a outro. mas também só pode " dar fodas " quem é mesquinho e tacanho!!

pois quem não é, não sabe " dar fodas " .

bagaco amarelo disse...

anónimo, gosto. :)

Daisy disse...

Também não gosto da expressão, e a tua definição é perfeita porque geralmente quem o diz dessa forma é só porque se quer gabar de uma coisa qualquer que tem e mais ninguém deve ter...
Daisy

She knows disse...

Eu sei que gostas de ser pouco convencional nas tuas comparações do amor com a realidade. E sei que gostas de argumentar contra a maré, mas acho que às vezes exageras um bocado. E não sei até que ponto é que não te vais contradizer qualquer dia, porque pelo que acompanho no blog, não me pareces ser uma pessoa que odeie o verbe dar e o considere o verbo mais estupido do mundo. Tu que adoras dar beijos à Raquel ou à tua filha ou dar abraços aos teus amigos...

Consigo perceber o que tentas transmitir neste caso concreto - apesar de não concordar - mas dizer que dar é um verbo estúpido, quando é o mais altruista, incondicional e mais próximo de partilha total, parece-me forçado demais..

Enfim, continuo a gostar da maior parte das coisas que escreves!

bagaco amarelo disse...

daisy, obrigado. :)

she knows, isso é verdade, sim. por isso é que quem lê o que quer que seja, tem sempre que ser capaz de se abstraís um cadito... :)

Sorriso de Menina disse...

Não entendo isto do dar como acto misericordioso... até parece que quem a dá não a recebe! Desejosos andam essas pessoas de a darem e a receberem! Afinal andamos todos a f*der-nos uns aos outros! lolol

bagaco amarelo disse...

sorriso de menina, depende tudo da forma como se lê. eu até posso achar que a tua conclusão é optimista. :)

Cão Sarnento disse...

Tu não és assim tão ingénuo.

bagaco amarelo disse...

cão sarnento, tento sê-lo. o mais possível. :)

qel disse...

ge-ni-al. nao tenho outra palavra.

bagaco amarelo disse...

quel, obrigado. :)