12.09.2008

caixa de esmolas

O divorciado deseja a todos os seus leitores um feliz Natal. Agora deixem aqui uma moedinha.
Nesta altura do ano quase todos os cafés têm em cima do balcão uma caixinha de esmolas (chamando as coisas pelo nome é mesmo de esmolas e não de gorjetas) com um paleio parecido com este. De facto, nunca acredito que os empregados dum tasco me desejem realmente um feliz Natal. Acredito é que esses empregados se estão perfeitamente nas tintas para o meu Natal e para a minha felicidade, mas como trabalham a recibos verdes não têm subsídio de Natal.
No amor é um bocado assim, quando estamos contratados a prazo mendigamos uma noite aqui ou ali com alguém que nos dê uma esmola emocional qualquer. A questão é que quem nos dá esmola também se está nas tintas para a nossa felicidade e para o nosso Natal. No dia seguinte voltamos ao mesmo.
Hoje tomei café de manhã na cidade do Porto, num café perto do Campo 24 de Agosto. Paguei-o com uma nota de cinco euros e a empregada fez questão de me dar o troco bem perto dessa caixinha de esmolas. Arrumei as moedas todas na minha carteira e saí debaixo do seu olhar reprovador. Para a próxima vou a outro café.

15 comentários:

Fá disse...

Pois eu também não ligo a minima a essa "táctica", é que não sequer olho para a tal caixa...

Fermelanidades de Matos disse...

É PÁ! Que durão, ISSO NÃO SE FAZ!!!! É DE QUEM NÃO TEM CORAÇÃO!! Fazias isso em Fermelã estavas lixado.


Pior do que isso é enfiar lá a moeda, sem a largar, a empregada vira costas e nós voltamos a tirá-la. É pá estas coisas não se fazem pá. Eu não sei de nada, nao vi nada, não sou de cá.

tiago disse...

24 de Agosto?

Para a próxima avisas e eu ofereço-te o café no Asa de Mosca ou no Cifrão - sentado - ou noutra tasca aqui perto, que só vende café e ao balcão.


ps:
sou o tipo do site de xadrez e que responde ao mail do livro só para comentar a reacção do "ps" em certos sectores do BE.

bagaco amarelo disse...

fá, ainda bem que não sou o único. :)

fermelanidades, mas em fermelã há cafés? :)

tiago, Asa de Mosca... gostei do nome... vou procurar. :)

Maria Poppins disse...

Não vás a outro café. O Asa é um café mítico da cidade do Porto, e é precisamente o tipo de sítio que eu imagino um tipo como tu a frequentar..

Olga disse...

Tens sorte de ter um contrato a prazo. Há quem esteja no desemprego há anos!

Olga disse...

Tens sorte de ter um contrato a prazo. Há quem esteja no desemprego há anos!

bagaco amarelo disse...

maria poppins, eu vou ao Porto todas as semanas mas não frequento um café... vou a vários, sempre diferentes. :)

olga, eu não tenho bem um contrato a prazo. já tive. agora estou a pensar passá-lo a sem termo certo. :)

Luz do amanhecer disse...

Essa definição de "esmola sentimental" foi perfeita. Uma ideia que eu já tinha, mas nunca consegui passar do pensamento para as palavras.

Bela Isabel disse...

Pessoalmente sou contra a gorjeta.Somos "gente" que mendiga e se acomoda...Concordo, quem dá "esmola" está-se nas tintas para o "povo"...bj

bagaco amarelo disse...

luz do amanhecer, :)

bela isabel, sim, além de que é só uma falsa forma de ajudar. :)

Ritinha disse...

Aqui está beijinho de feliz Natal para a tua caixinha :)

bagaco amarelo disse...

ritinha, obrigado. :)

SunGod disse...

ora portanto...essas caixinhas em cima do balcão fazem-me lembrar o que?caixas de esmolas...onde se situam as caixas de esmolas?nas igrejas...qual o sitio que não frequento por não gostar de compactuar com hipocrisias fora a questão da (falta de) crença pessoal?igrejas... conclusão: não deixo esmolinha na caixa porque não sei se do lado de lá do balcão não me dizem "o corpo de cristo" ou algo que o valha... livraaa!
mas não deixo mesmo...querem o belo do guito, trabalhem que eu tb trabalho...é assim tipo um comunismo social lol

bagaco amarelo disse...

sungod, lol... eu concordo. :)