7.30.2009

conversa 1291

Ela - Tenho olhado para a minha relação e ando com uma dúvida enorme...
Eu - Qual é?
Ela - Não sei se estou com o meu marido porque preciso de companhia ou porque preciso de ser importante na vida de alguém...
Eu - Qual é a diferença?
Ela - Se eu estou com ele por precisar de companhia, acho que estou bem. Ele é uma excelente companhia. Se estou com ele porque preciso de me sentir importante na vida de alguém... talvez o meu casamento esteja em crise...
Eu - Tu gostas mesmo do teu marido?
Ela - Gosto... mesmo muito. Só que de repente percebi que tenho um romance com um homem que não é mais do que um amigo meu...
Eu - Se calhar para os nossos amigos somos sempre importantes, para os nossos amores é que não. Acho que, se calhar, os amores passam mais facilmente do que os amigos... e é por isso que duas pessoas apaixonadas que não são, de facto, amigas, se afastam definitivamente quando se cansam uma da outra.
Ela - Eu sou amiga do meu marido.
Eu - Ainda bem...
Ela - E ele é meu amigo.
Eu - Ainda bem...
Ela - Pelo menos acho...

24 comentários:

RPM disse...

Nós, as mulheres, pensamos demais...

Patrícia disse...

"... é por isso que duas pessoas apaixonadas que não são, de facto, amigas, se afastam definitivamente quando se cansam uma da outra."

concordo inteiramente contigo. A cumplicidade surge da amizade e do conhecimento mutuo, e se isso não existe...

a Trofa tem cozinheira disse...

(...) no coments! LOL são amigos atao ta tudo bem... ou nao..XD

Silvia Gonçalves disse...

"Se calhar para os nossos amigos somos sempre importantes, para os nossos amores é que não. Acho que, se calhar, os amores passam mais facilmente do que os amigos... e é por isso que duas pessoas apaixonadas que não são, de facto, amigas, se afastam definitivamente quando se cansam uma da outra."

Está totalmente certo!!!

Bjos

zeni disse...

Muito bom, dá que pensar...

Foi o que arrasou comigo no fim do meu casamento: o facto de ser traída por alguém que eu julgava ser o meu melhor amigo (atenção, não foi traída no sentido "comum", com outra pessoa, foi traição a outro nível, incluindo ao nível de amizade, eu diria até de ...humanidade).

Às vezes perguntam-me se ficámos amigos, depois do divórcio e eu respondo "como ser amigo de quem não foi amigo, sobretudo numa altura em que eu mais precisava?"

ecila disse...

Demasiado confuso para a minha cabeça...

Pochinha disse...

Ainda hoje estava a pensar nisso: "porque é que as relações com os namorados/as/maridos/mulheres são sempre menos importantes do que as com os amigos/as, ou duram menos?"
Acho que é mesmo por causa disso... Há que ser amigo do nosso companheiro/a, senão nunca funciona...

bagaco amarelo disse...

rpm, demais às vezes... de menos outras vezes. :)

patrícia, se isso não existe, não existe nada de substancial. :)

a trofa tem cozinheira, lol... ou não. :)

silvia gonçalves, também penso que sim... mas isso não me faz feliz. :)

zeni, eu percebo-te perfeitamente. felizmente comigo isso não aconteceu. :)

ecila, lol. :)

bagaco amarelo disse...

pochinha, exactamente... :)

Bombokinha disse...

Aiiiiiiiiiiiiiii...sabem que mais??? O mundo é que anda todo confuso e sendo assim depois ninguém se entende, pelo menos não durante muito tempo, infelizmente!!! Baralhou?! ;)

GiGi disse...

Postei um comentário aqui também, mas acho que falhou, eheheh

Eis: Talvez, a amizade valha mais que a paixão. Esta é gostosa, é boa, indipensável no início. Depois, a amizade toma sua importância. Provavelmente, uma transformação...

Beijos!

Sininho disse...

"... quando se toma uma decisao para toda a vida sobre um homem, a pergunta que se tem de fazer nao é se se pode viver com ele, mas sim se alguma vez se poderia viver sem ele.", barbara & stephanie keating em à minha filha em frança

gosto do seu blogue, acho-o divertido e já agora... deve-o às mulheres.
boas conversas e
cumprimentos da terra do nunca

Lizard King disse...

Sou idealista por natureza: antes de amar tenho de sentir que a pessoa é/ pode tornar-se um amigo à medida que descubro e sou descoberta. Se os meus sentidos não o preverem dessa forma sei que será uma aposta em algo que acabou antes de começar. Talvez por isso tanta relação tenha o seu termino na falta de respeito e consideração por quem um dia dividiu o seu espaço/ vida com outrém. A paixão e o amor, para subsitirem após o termino do excitex inicial dos enamorados precisa de uma base consistente, que só é possivel na amizade mútua, de respeito e admiração pelo outro.

Helenikon disse...

Filosofia feminina: " Quando o terreno não é firme ... há sempre outras coisas duras que nos agradam."

Anónimo disse...

Costumo ler os teus textos e acho uma coisa: ou tens uma memória de elefante ou gravas as conversas. Como nenhumaa destas deve acontecer, as conversas reproduzidas são.. mais ou menos assim , não é?

João

Solteira de Salto Alto disse...

Para solteiras ou não, aqui fica o mais recente link:

http://odiariodesolteiras.blogspot.com/

bagaco amarelo disse...

bombokinha, não baralhou nada. :)

gigi, quando é assim, e às vezes é, é melhor, sim. :)

sininho, bem visto. devo às mulheres muito mais do que este blogue. :)

lizard king, acho que tens razão, sim. :)

helenikon, lol. :)

joão, as conversas, como já disse aqui várias vezes, são um misto de realidade e imaginação. às vezes são quase só realidade, outras são quase só imaginação. :)

solteira de salto alto. :)

goti disse...

Não nos podemos esquecer que Amigo nos dias de hoje, tem muito que se lhe diga.Por vezes confundimos Amigo com Conhecidos. Os amores se forem verdadeiros e construídos no dialogo mutuo,esses duram, duram... Mas é como tudo... há amizades que também terminam.
Beijos doces e alegres!!!
Bom fim de semana

bagaco amarelo disse...

oti, acho que sempre houve amizades mais sérias e mais dúbias... e nesse aspecto tens razão, sim. Aqui estamos a falar de amizades a sério e eu, por acaso e por sorte, tenho muitas. :)

Anónimo disse...

estou tão farta dos homens :|

bagaco amarelo disse...

anónima, não te fartes... descansa só algum tempo... :)

bagaco amarelo disse...

a Trofa tem cozinheira disse:

LOL!!! Ya descansa...o q era a vida sem homens para os pormos a trabalhar como uns escravos!! LOL

resposta: eu acho que até os homens pagos são escravos... :)

-----------------------------

Otário disse...

as mulheres são complicadas... grrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr

:D
boa semana,
saudações otárias!

bagaco amarelo disse...

otário, um cadito, sim... :)