7.21.2009

beijo

Até onde é que nós queremos saber da vida dos outros? Os outros, aqueles que passam por nós na rua mas de quem não sabemos nada. Nem o nome nem a profissão, nem a idade nem onde nasceram, nem se se sentem tristes ou felizes. Nada. Os outros...
Quando na fila do supermercado um homem de meia idade paga as compras, reparamos se o está a fazer com cartão de débito ou crédito? Quando num café uma mulher fala alto ao telefone, tentamos perceber quem está do outro lado? Quando alguém nos pergunta uma direcção na rua, tentamos perceber de onde vem?
Hoje uma mulher bateu-me no carro por trás. Foi um toque pequeno, daqueles que mais parecem um beijo de sucata, e terá sido por isso que a primeira coisa que vi nela quando saí do carro foram os lábios. Tremiam. Tenha calma, disse-lhe. Ela abriu a carteira à procura do cartão do seguro e reparei que tinha uma fotografia tipo passe com o rosto de uma criança, depois pegou no telemóvel para avisar o ex-marido que estava atrasada. Os dedos também lhe tremiam. Em pouco tempo, mal ou bem, percebi que estava diante duma mulher a quem a vida anda a pregar partidas. Olhei para a traseira do meu carro e vi um pouco da tinta vermelha do carro dela. Era a marca do beijo. Tenha calma, repeti-lhe. Vamos embora que isto não é nada. Ela acalmou e disse-me adeus com a buzina quando, num qualquer cruzamento da cidade e da vida, nos apartámos um do outro. E fomos... beijados pelo alívio.

38 comentários:

GiGi disse...

"Era a marca do beijo"

Que graça! Adorei! Quanta sensibilidade, donde é que tiras estas coisas, heim? eheheh Eu tento... Tento... Mas, nada sai.

Tá vendo? "Ser divorciado" tem lá suas vantagens! LOL

Beijos

Bichana disse...

Adorei este post. Touché.

Carla disse...

a diferença em relação ao beijo é que a tua atitude trouxe alívio...e o beijo normalmente provoca mais excitação que alívio.

Tudo de mim. Ou quase. disse...

Às vezes, a forma como nos damos a ver aos outros pode denunciar, efectivamente, as partidas pregadas pela vida, mesmo que não as especifique. Mas um sorriso pode também as pode esconder.
É uma questão de escolhas.

Um beijo

Post Scriptum: E que tal 1 euro a troco de 1 comentário?

Miss Kin disse...

A sra deve ter ganho o dia com a tua simpatia ;) Às vezes são coisas pequenas como esta que, quando a vida nos corre mal, começamos a pensar que se calhar a tendência está a começar a inverter e a partir daí nos tornamos mais positivos!

bagaco amarelo disse...

gigi, é verdade que tem vantagens, sim... mas não são bem estas, lol. :)

bichana, touché. :)

carla, sim... mas também há beijos que só aliviam... depende...

Tudo de mim. Ou quase., lol... acho que foi contigo que troquei uns emails há uns dias... não sei porquê... :)

bagaco amarelo disse...

miss kin, pronto, o facto de eu não ligar nada a carros e o meu já parecer um carrinho de choque também ajuda... :)

elisa disse...

:)apetece me dizer: que fôfinho! E sem marca alguma de ironia.
Beijinhos

bagaco amarelo disse...

elisa, :)

ovo zero disse...

é isto que faz sorrir, os pormenores. as coisas mais simples assumem importância, um cumprimento mesmo sem toque, um piscar de olho, um aceno de uma criança no vidro de um carro que passa por nós, um bom dia parece querer dizer que afinal o dia poderá mesmo correr bem.

uma boa tarde para ti :)

Dani disse...

Olá! já não vinha auqi faz muito tempo e gostei muito de ler esta tua história! Uma atitude positiva da tua parte que fez a diferença no teu e no dia de outra pessoa!

Depois pensei... ele tem tanto jeito para escrever... quando será que começa a escrever um blog com as coisas positivas que tambem vê nas mulheres?! Tipo "Eu amo as mulheres...quer as compreenda ou não!"

ehehe... foi só um pensamento figitivo!! Mas acho que seria fantástico!!

Um beijo doce e leve... e um dia fantástico para ti!

A Tela disse...

Muito bonito, muito belo mesmo...but so sad.

bagaco amarelo disse...

ovo zero, tens razão... às vezes acho que a ansiedade, seja no amor ou no emprego ou noutra coisa qualquer, é a nossa maior inimiga porque nos impede precisamente de ver as pequenas coisas. :)

dani, obrigado. no fundo este blogue já é isso... mas se for demasiado óbvio ninguém o lia. :)

a tela, eu procuro ver mais felicidade do que tristeza... :)

maestrina disse...

já desconfiava que fosses uma pessoa bonita, pois quem escreve cm tanta sensibilidade de algum lado lhe há-de vir...

um pouco sortudo tb, tens quem te beije, até no trânsito... nessas situações, os únicos encontros que tive são tumultuosos, violentos e causam estragos... nessas situações e em todas as outras da vida, temo confirmar...

hoje, por me encontrar na cidade mais linda do país, julgava poder assistir a esse tal projecto Couscous, que me "encuriosa" há uns tempos... mas a logística não mo permitiu... fica para a próxima!

Boa noite

bagaco amarelo disse...

maestrina, vê bem... ainda não estou em Aveiro. vou chegar um pouco depois da meia-noite. se o problema é logístico passa lá que isso resolve-se. :)

Patrícia disse...

Pois é...as pessoas cruzam-se na nossa vida por alguma razão...quem sabe o que esta mulher vinha a pensar? Quem sabe se este teu gesto, este teu sorriso, não lhe mostrou que, afinal, as pessoas ainda valem a pena!! E deixou-te a marca de "um beijo de alívio"...para que, quem sabe, um dia também olhes para lá, por alguma razão, e sintas novamente a mesma sensação.

Desabafosescritos disse...

Bem, para quem teve que pagar 240 euros por um risquinho minúsculo (1cm?), há bem pouco tempo, isto é mesmo de um doce de rapaz...

bagaco amarelo disse...

patrícia, exactamente. :)

desabafos escritos, os carros são só preocupações e é por isso que eu não lhes ligo nada. o meu só serve para me tirar de um sítio e levar-me a outro. de resto... estou-me nas tintas para o aspecto dele... :)

Mena disse...

Olá...

Fiquei muito sensibilizada com a tua atitude...
São esse tipo de atitudes que nos fazem falta diariamente...com quem não conhecemos, com quem se calhar nem queremos conhecer...
è nestas atitudes que se vê o altruismo das pessoas....
foste muito bom para aquela senhora...
aposto que vais estar na sua memoria para sempre...
beijinho

Mena disse...

Olá...

Fiquei muito sensibilizada com a tua atitude...
São esse tipo de atitudes que nos fazem falta diariamente...com quem não conhecemos, com quem se calhar nem queremos conhecer...
è nestas atitudes que se vê o altruismo das pessoas....
foste muito bom para aquela senhora...
aposto que vais estar na sua memoria para sempre...
beijinho

Teresa Pombo Pereira disse...

Gostei muito! Não conhecia o seu blogue e dou-lhe os meus parabéns!

A primeira partida que a vida prega a uma mulher divorciada é... o divórcio :-)

Mas, a partir, as outras são apenas "mais uma".

É claro que tudo depende dos divórcios e... das mulheres!

bagaco amarelo disse...

mena, quem é que não gosta de ter a marca de um beijo na face? é quase o mesmo... :)

teresa pombo ferreira, obrigado. acho que também depende dos homens... e dos filhos se os houver... e da lei... enfim... :)

Nirvana disse...

Como é possível uma pessoa aperceber-se de tanta coisa em tão pouco tempo, quando se tem sensibilidade para isso?

E......
Se por acaso isso me acontecer, se bater na traseira de alguém, a primeira coisa que vou dizer é: conhece o blog não compreendo as mulheres? ;)

Tudo de mim. Ou quase. disse...

Na mouche, meu caro! :)

Estou a ver que não é de memória curta. Ou talvez seja. Talvez... (ai como eu adoro esta palavra!).
Também não recordo a razão da dita troca de e-mails.
Na minha conta não surgiu qualquer euro vindo sabe-se lá de onde... Amanhã tento novamente. :)

Anónimo disse...

:)

Sweet.

Ass: Vai buscar.

bagaco amarelo disse...

nirvana, lol... boa... até eu vou dizer isso. :)

Tudo de mim. Ou quase, lol... eu nem ao arrumador de carros que está sempre perto do meu local de trabalho dou um eurito... :)

anónimo, :)

Red disse...

:)

bagaco amarelo disse...

red, :)

ogolbo disse...

Isto chega a ser poesia urbana...

bagaco amarelo disse...

ogolbo, :)

Myosotis disse...

Lindo de se ler :)

bagaco amarelo disse...

myosotis, obrigado. :)

Daniele Cavalcante disse...

Nossa... Talvez vc tenha sido um anjo na vida dessa pessoa! Até mesmo pq nós (talvez) nos afetamos demais com as partidas que a vida prega, e parece que vem tudo de uma vez só. Adorei o conteúdo por aqui! Valores sentimentais demasiadamente!

bagaco amarelo disse...

daniele cavalcante, obrigado por apareceres. tens razão, sim. às vezes as partidas da vida parecem não ter fim... :)

Joanaa disse...

e agora c a moda dos batons que só deixam brilho, como vês uma marca vermelha que não tem cor?!

bagaco amarelo disse...

joanaa, pelo brilho... :)

Patrícia Pinto disse...

Adorei! É fantástico como há pessoas que se cruzam assim na nossa vida e nos fazem sentir bem só porque, de uma maneira ou outra, lhes mostramos que nem tudo é mau e que alguns problemas tem soluções muito simples; às vezes até mesmo só com um beijo...

Anónimo disse...

ONTEM IA BATENDO NO CARRO DA FRENTE QUANDO VI A TUA FOTO NA RUA (CAMPANHA POLITICA BLOCO DE ESQUERDA) - JULGO QUE ERAS TU. LEMBREI-ME DESTE TEXTO E SE TIVESSE BATIDO, OXALÁ A PESSOA ME TIVESSE TRATADO DESTA FORMA.