7.22.2008

conversa 859

Ele - Se eu lhe disser que gosto dela e ela me responder que não me curte, o que é que eu faço?
Eu - Metes o rabinho entre as pernas, vais para casa e vês o filme mais estúpido que lá tiveres, tipo o Rambo IV ou assim, enquanto bebes um uísque ou dois.
Ele - Mas como é que lhe digo? Ajudas-me?
Eu - Não lhe digas de rajada. Sai com ela. Se sentires que há ambiente para isso, diz-lhe. Às vezes nota-se num olhar, num encosto ou num movimento qualquer. Nem precisas dizer, se calhar. Se sentires que há espaço para a abraçares, abraça-a, por exemplo. Sei lá...
Ele - E se ela tirar o braço?
Eu - Já te disse... rabinho entre as pernas e resolve a tua vida. Não te preocupes, há uma altura na vida em que os cortes começam a ser o pão nosso de cada dia. É tipo trocar de cuecas...
Ele - Mas esta é especial...
Eu - Pois, pois...
Ele - É, é.
Eu - Não me venhas com essa merda. Uma gaja só é especial mesmo quando gosta de nós. Não é quando nós queremos que ela goste de nós. Lembra-te disso.
Ele - Não sou capaz de pensar assim...
Eu - Eu sei. Depois de três ou quatro relações de quinze dias cada uma, já és... vais ver.

18 comentários:

Flávio disse...

Por me identificar em parte com esta conversa, copiei-a (com a devida referência) no meu blog. Espero que não te importes.
Abraço.

Pax disse...

Que pessimista!
Na volta ela até o "curte bué" ;)

Paula disse...

e com essa conclusão tão fria, ainda achas que vale a pena sair e conhecer e procurar o que quer que seja?...

Isa disse...

Outra conversinha com principio meio e fim... e uma coisa te digo, prefiro-os a "eles" do que a "elas" lol

ceptic disse...

LOL
isto é que é dar apoio moral?!

se já estava com medo... com a tua afirmação final instalaste o pânico!

:D
bjs fui

joana disse...

Este ele deve ser muito tímido.

Moura disse...

"Eu - Não me venhas com essa merda. Uma gaja só é especial mesmo quando gosta de nós. Não é quando nós queremos que ela goste de nós."
Não entendi...não compreendo os homens...:-))

vita disse...

Ena..andas muito céptico..loool

O que as mulheres te fazem homem..lool

bagaco amarelo disse...

flávio, claro que não. obrigado pelo aviso. um abraço. :)

pax, isso é aquilo que nunca sabemos realmente. :)

paula, tenho perguntado isso a mim mesmo... :)

isa, lol. eu prefiro-as a elas, ainda assim. :)

ceptic, acho que não. depende do ponto de vista. :)

joana, não sei... é normal. quando estamos apaixonados somos tdos um cadito assim, se calhar. :)

moura, só se torna especial quando gosta de nós... é um processo de defesa. :)

vita, ainda não viste nada, lol. :)

Moura disse...

Mas, para ele, ela é especial e ele nem sabe se ela gosta dele... bom, no fundo o que lhe dizes é que se ele não sabe há-de aprender...desejo ao teu amigo que "nunca seja capaz de pensar assim" (como ele diz) e que te transmita qualquer coisa de que te tenhas esquecido :-)
(Desculpa...acredito que existem amores como o que o Gabriel Elígio Garciá;-))

bagaco amarelo disse...

moura, no fundo também acredito... acho é que é melhor não acreditar. Estava a tentar defendê-lo. :)

Pax disse...

Não saberemos? Porquê? Não vais contar?
O mundo vai acabar?
:)

bagaco amarelo disse...

pax, não sabemos porque as mulheres nunca sabem se gostam. :)

Pax disse...

Isso de "as mulheres" é muita gente.
:)

arco-íris negro disse...

"Uma gaja só é especial mesmo quando gosta de nós. Não é quando nós queremos que ela goste de nós. Lembra-te disso."

forte, muito forte...
pena que na prática ninguém pense assim...

bagaco amarelo disse...

pax, eu também acho... e ainda bem que são muitas. :)

arco-íris negro, eu na prática, penso assim. :)

arco-íris negro disse...

és uma raridade

bagaco amarelo disse...

arco-íris negro, ou não... :)