10.18.2010

a torre das águias

Aspecto exterior da Torre das Águias
Diz uma placa colocada pela região de Turismo de Évora que a Torre das Águias, na Vila das Águias (pertencente à aldeia das Brotas no concelho de Mora), foi construída no século XIV por Dom Nuno Manuel, guarda-mor de D. Manuel I. O problema é que a única coisa em bom estado de conservação que se encontra por ali é mesmo a placa. De resto, a torre, um solar fortificado do tipo gótico-manuelino, com quatro pisos e paredes que chegam aos dois metros de grossura, está num estado de degradação tal que a queda da mesma se avizinha eminente
.
Estado de degradação geral do interior

Escada interior em caracol
Guaritas no último piso
Mesmo assim é um monumento que se deve visitar. A torre, em formato quadrado, tem quatro pisos e no último, a 22 metros de altura, algumas agulhas cónicas que serviam de guarita. Serviria essencialmente para apoio aos dias de caça e tem, a esse propósito, uma  lenda cristã por trás. Diz-se que os mouros emboscaram e mataram o senhor da Torre enquanto este andava à caça e que depois se dirigiram para a torre. A senhora da torre, avisada do perigo por um escudeiro, orou a Santa Maria de Aguiar para que esta a protegesse e esta enviou-lhe um cavalo alado para a fuga. O chefe dos mouros, ao ver o milagre, converteu-se ao cristianismo.

Tecto em abóboda
Devo ainda dizer que a aldeia das Brotas tem excelentes condições para acolher turistas e é um destino óptimo para quem precisa de desanuviar o stress. Eu, por mim, volto lá um dia destes...

13 comentários:

Riga/V-1-Boy disse...

é a terra dos meus pais

=)

bagaco amarelo disse...

Riga/V-1-Boy, andei por lá este fim de semana e adorei a terra. :)

Suspeita disse...

Obrigada pela dica. Irei visitar. Aqui tão perto e nunca tinha ouvido falar...

Riga/V-1-Boy disse...

começaram há uns meses a reparar casas antigas e a explorar turismo rural e desde a abertura do fluviario de Mora que existe muito mais pessoal a ir para aqueles lados.

tem que experimentar a ir lá a meio de agosto aquando das festas8 a populaçao da aldeia multiplica-se por 4 ou 5) ou a meio de Maio no fds da concentraçao motard do motoclube local

bagaco amarelo disse...

suspeita, se vives perto é mesmo de lá ir. :)

Riga/V-1-Boy, sim... vim de lá com a ideia que vale a pena voltar no Verão. :)

Lisa P. disse...

se a afluência for em demasia... derroacada ou obras forçadaS?

Salsa disse...

Faço minhas as palavras do Riga. Acrescento que tens ainda vários castelos nas redondezas e Antas. Se tiveres com tendências belicas sempre podes dar um salto a vendas novas e visitares a escola prática de artilharia, tem uma exposição permanente de obuses no exterior, em tempos teve também um museu onde se podia ver a história da artilharia em Portugal e os seus artilheiros famosos.

bagaco amarelo disse...

lisa p, se a afluência for muita, o melhor é ter muito cuidadinho para não terem que chamar o INEM. :)

salsa, obrigado. :)

Anónimo disse...

Fica aqui pertinho. ja por la passei umas vezes, é uma pena estar naquele abandono. Infelizmente temos mais uns quantos monumentos neste estado...

Fatyly disse...

Já visitei no inverno...e acabei por dar mais atenção à degradação que é de lamentar (onde se tem gasto tanto dinheiro que era para este fim?) e não me aventurei a subir o caracol:)

É o país que temos...publicidade ao turismo que de turismo só tem o nome.

bagaco amarelo disse...

anónimo, yep... :)


fatyly, subir o caracol é arriscado, sim: :)

pedro b disse...

já lá estive. é bonita a torre das águias...

bagaco amarelo disse...

pedro b, é bonita, sim. :)