8.27.2010

azul/vermelho

E sobre mulheres que amamos sem conhecer, a simpática Ana, dona do café, atribuiu-me um prémio à mesa do mesmo. A mulher que eu amava vestia-se sempre de vermelho menos nos dias em que eu a via, em que se vestia de azul...

9 comentários:

Juci Barros disse...

Que jogo de palavras maravilhoso!

bagaco amarelo disse...

juci, obrigado. :)

Ti Coelha disse...

Bonito. Parabéns!:)

Anónimo disse...

muito bonito.
beijo x
P.S.

Fatyly disse...

Só tu escreverias essa pérola e se Ana o escolheu é porque foi o melhor dos melhores.
Parabéns!

TM disse...

Que lindo que é o azul... ;)

bagaco amarelo disse...

ti coelha, obrigado. :)

anónima, obrigado. :)

fatyly, obrigado. :)

tm, é... :)

Sofia disse...

:-)
Parabéns!
Beijinhos,Sofia

bagaco amarelo disse...

sofia, obrigado. :)