9.01.2010

conversa 1582

Ela - Já alguma tiveste a sensação de que uma relação pode não funcionar apesar dos envolvidos gostarem muito um do outro?
Eu - Hum... já, já tive.
Ela - É a sensação que eu ando a ter agora. Passo a vida a discutir com o meu marido apesar de gostar muito dele e acho que não aguento mais...
Eu - Às vezes essa sensação é temporária. Há fases melhores e fases piores em todas as relações.
Ela - O pior é que eu estou nesta fase desde que me casei.
Eu - Desde que casaste?
Ela - Bem... desde o dia seguinte ao casamento. Nesse dia discutimos logo no Hotel onde passámos a noite de núpcias por causa de qualquer coisa que já nem me lembro.
Eu - Há quanto tempo casaste?
Ela - Há dez anos.

14 comentários:

GiGi disse...

- Cunhada (na sala) dirigindo-se ao noivo: "não sei por que vou me casar com vc, viu!
- Meu companheiro (no quarto), falando consigo mesmo: "se vc não sabe, fia, eu que não vou saber!"

Pois...

O Gaijo disse...

Bagaço, literalmente o que acontece em uma grande maioria dos casamentos... infelizmente o comodismo tem destas coisas...

http://pensamentosdeumgaijo.blogspot.com

pagu disse...

Um dia ela pede o divórcio... :D

bagaco amarelo disse...

gigi, lol. :)

gajo, não será só comodismo. :)

pagu, ou ela ou ele... :)

Cassandra disse...

Deve ser a força de nos tentarmos mudar uns aos outros. O gostar de pessoas que estão distantes da nossa personalidade e interesses é um capricho que se paga caro. Ou então é querer que o amor resulte. Há quem acredite em missões quase impossíveis.

Fatyly disse...

Complicado e dar palpites para mim seria imensamente difícil, o que não farei...

Pintas disse...

não será um pouco de comodismo e rotina na relação???

TM disse...

Ela não é muito rápida pois não?
Só ao fim de 10 anos é que começou a questionar-se... agora resta saber quanto tempo vai demorar a procurar uma solução para o "problema"...

sem-se-ver disse...

chiça penico

Anónimo disse...

Meu querido bagaco.
A vida tem destas coisas.

Mas não vim aqui para comentar este post.
Não, vim numa missão do menino que chora.
Vim partilhar contigo amante de tal obra de arte o que me chegou aos ouvidos :)

Reza a história que o dito Sr. pintor de tão belos quadros, não conseguia um contracto com nenhuma galeria de arte, vivendo assim na maior das pobrezas, resolveu então fazer um contrato com o Diabo, assim sendo diz se que o tal sr. tinha por habito crucificar criancas ( sabe se lá o que isso quer dizer)pintando assim meninos da lágrima, diz se existir 27 versões do mesmo, sendo a mais popular aquela que nos vem a memória.
Parece que depois de fazer tal contracto com o diabo o sr.enriqueceu, penso que era espanhol.
Reza a história que tem um quadro do menino da lágrima em casa nunca será feliz uma vez que o Diabo lá habita.

Bem sei que és ateu, sorte tua :)

Beijo x
P.S.

bagaco amarelo disse...

cassandra, uma visão pessimista mas interessante. :)

fatyly, :)

pintas, não só mas também, acho eu. :)

tm, lol... exacto. :)

sem se ver, :)

anónima, já sabes um dos motivos pelo qual eu queria um quadro desses. :)

Gasosa disse...

Realmente às vezes nem sabemos muito bem o que nos uniu à pessoa, o que é verdade é que ter coisas em comum torna-se evidentemente muito importante quando a coisa amorna.
Antes disso a paixão e o amor seguram tudo, quando a coisa esfria...aí tá td f...

bagaco amarelo disse...

gasosa, concordo contigo. :)

LittleHelper disse...

Reconheço esta história de qualquer lado...
:P