4.23.2012

orangotangos

Enquanto género, o homem é um ser desprezível. Torna-se ainda mais desprezível quando comparado com a mulher. É uma verdade que tenho como certa, ou uma certeza que tenho como verdade. Tanto faz. Pensei nisto hoje de manhã, quando entrei no metro do Porto, mas a verdade é que é um pensamento que se está a tornar repetitivo. Todos os dias, por um motivo qualquer, sou assaltado por ele. E todos os dias, meus amigos, é a estatística a dar-nos certezas.
Voltemos ao metro do Porto hoje de manhã. Entro na estação das Sete Bicas em direcção a Campanhã, uma estação depois entra uma das mulheres mais bonitas que já vi na minha vida. Sem exageros. Olho para ela e agradeço-lhe, em pensamento, o facto de ter tornado esta ordinária viagem de metro numa coisa extraordinária. Os olhos dela cruzam-se com os meus e eu desvio-me. Atrás de mim ouço um grupo de rapazes em risadas histéricas que são, obviamente, por causa dela. É uma atitude animalesca, de quem se manifesta fisicamente por ser incapaz de qualquer reacção intelectual à presença duma mulher bonita. Quando ela se levanta para sair, na Trindade, eles grunhem uma última vez. Depois calam-se. Um homem mais velho, embalado por aquela performance dantesca, grita-lhe qualquer coisa como: "Gandas marmelos!". É a primeira vez que tenho vergonha do meu género neste dia. Não será a última.
Chego ao meu local de trabalho e abro o meu email. Um amigo enviou-me um link para uma reportagem sobre abusos sexuais a orangotangos fêmeas na Indonésia. Os animais, uns, são capturados, acorrentados a camas e preparados para a prostituição. Outros, sempre homens, pagam esse abuso sexual. Por um momento faz-se luz. Há qualquer coisa em comum nesta notícia e naquilo a que assisti no metro. É a ausência total de emoção e de razão. E isto, meus amigos, só acontece em homens.
No género masculino, há um número significativo de indivíduos cuja vida é totalmente aniquilada por uma hormona. Quando digo vida, digo também capacidade de Amar. É por isso que  são sempre homens, os autores das notícias mais escabrosas sobre abusos sexuais. Ponto. As mulheres são diferentes. São melhores, e estranhamente mantêm a capacidade e paciência para viver no meio dos homens. Não as compreendo. Admiro-as.

31 comentários:

Maria disse...

Obrigada Bagaço Amarelo :)

Anónimo disse...

"Curva de Gauss".

É sobre estatistica.

Um dia digo-te o que eu penso dos homens e das mulheres. E não vais ficar chocado.
Um abraço

EJSantos

houten disse...

Há dias em que realmente penso que os homens são todos uns grandes animais... Incapazes de sentir apenas a ligação pura entre duas pessoas, sem estarem constantemente a pensar em sexo. Depois há outros dias em que penso que o problema é meu. Que se calhar é suposto só pensarmos em sexo, e eu é que sou uma desajustada. Bem, não será com certeza nenhum destes dois extremos, deve haver um meio termo. Seja como for, obrigado por este post... escrito por um homem tem muito valor. É bom perceber que também vocês, em certos dias, pensam isso uns dos outros. O que no fim de contas, fará do caríssimo Bagaço Amarelo, um homem à maneira :)

Bagaço Amarelo disse...

maria, :)

ejsantos, eu já nem fico chocado facilmente. :)

houten, o problema nem é bem pensar em sexo. é mesmo deixar de pensar por causa dele. :)

Anónimo disse...

À dias fui sentada á tua frente no comboio e não tive a coragem de te falar, mas apeteceu-me. Tens um ar bom e depois de ler este teu texto apeteceu-me ainda mais. Fica para a próxima! Pode ser?
F.

Sofia disse...

Fiquei chocada com a história dos abusos a orangotangos. Não fazia ideia e sinceramente acho que preferia continuar na ignorância. O homem consegue ser um ser mesmo desprezível.

ladybug disse...

Lá está uma característica que me assusta quando ando sozinha pelas ruas de Aveiro... cruzar-me com um espécime desse calibre...

Estadista de Algibeira disse...

As hormonas, por vezes, dominam os comportamentos humanos... Nas mulheres isto também acontece, embora com outras implicações e de outra forma, influenciando principalmente o humor...

Anónimo disse...

Bem, caro Ivar, já viu o que lhe perguntei? Sim, tem a ver com o teu post...

Entretanto, digo o seguinte: calma aí, homem.
Fazer uma generalização a partir de um grupo extremo não é justo para os restantes grupos.
No teu post descreveste duas situações extremas; uma de grossaria, outra de bestialidade. Porra, homem, não me identifico nada com nenhum desses grupos! E, aliás, muitos homens, também não.
No que se refere há situação que descreveste no metro, já presenciei algo de parecido, e o que me veio à cabaça foi: "Que lindo par de cretinos!". Já agora, e em ultima análise, se algum cretino que incomodar muito se cruzar contigo, sempre podes chamar-lhe à razão (nem que seja há estalada!).

EJSantos
(Curva de Gauss, OK)

Paulo César disse...

..."não compreendo os homens" podia ser este o título

Bagaço Amarelo disse...

f, não costumo morder. :)

sofia, somos parte disto... é de fugir, mas é verdade. :)

ladybug, compreendo. :)

estadista de algibeira, lol. :)

ejsantos, por isso é que eu digo "No género masculino, há um número significativo de indivíduos cuja vida é totalmente aniquilada por uma hormona". Para não ser uma generalização. :)

Bagaço Amarelo disse...

paulo césar, exacto. :)

Fatyly disse...

Se fosse só aos orangotangos... um horror!

Sim, daí eu dizer que nesses animais não vale a pena a castração química...era um tiro na testa e acabou. Mas também há mulheres...

Mas felizmente que há homens com H grande que ainda conseguem ser a maioria, bem como mulheres com M grande que aqui meu amigo, são a super maioria loll

Eu admiro-te!

Bagaço Amarelo disse...

fatyly, obrigado. essa do tiro não deixa de ser interessante. :)

Anónimo disse...

Não vou defender esses idiotas, mas no género feminino também há uns espécimes jeitosos, ou ninguém se lembra das cenas que fazem perante uma cara bonita (artista, futebolista)...

redonda disse...

Não me parece que as mulheres sejam melhores que os homens. Conheço casos de mulheres que agiram de forma muito pior que a descrita neste episódio e homens admiráveis que me fizeram pensar que os homens é que eram melhores que as mulheres até conhecer outros homens que estragaram essa ideia :) Portanto, em conclusão, há homens e mulheres admiráveis e homens e mulheres com os quais prefiro não me cruzar...

Bárbara disse...

essa noticia deixou-me tão enjoada como se estivesses a falar de uma mulher. os homens podem não compreender as mulheres, mas se sentissem o que elas sentem acho que os números estatísticos iriam mudar completamente, para melhor.

Bagaço Amarelo disse...

anónimo, com certeza que sim, mas que há uma diferença enorme entre géneros, lá isso há. nesta matéria, claro. :)

redonda, a estatística sobre abusos sexuais é esclarecedora, esse é o problema. :)

bárbara, a mim aconteceu-me mais ou menos o mesmo. :)

Anónimo disse...

O nivel dos comentários surpreendeu-me. PELA POSITIVA.

Cumprimentos a todos.

EJSANTOS

Bagaço Amarelo disse...

ejsantos, o mundo não é assim tão mau. :)

maria madeira disse...

Abaixo essa hormona:)
Como sempre, excelente texto.

Bagaço Amarelo disse...

maria madeira, :)

Conto de Fadas disse...

Tens tanta razão...

naná disse...

sabe o que gosto em si? a sinceridade, a leveza, e todo esse amor que sai de cada pequena palavra, de cada frase. obrigada, porque aqui ainda se criam sorrisos!

Flour disse...

Ainda bem que há homens diferentes.. neste mundo existem muitas coisas más, homens ou mulheres, o ser humano é capaz das piores atrocidades, mas também das melhores bem feitorias. Isso tem de ser o mais importante!

Maluca disse...

Acho que é preciso ser-se um grande HOMEM, para assumir que admira as mulheres... E isso é de louvar!
Parabéns pela escrita, gosto muito!

Bagaço Amarelo disse...

conto de fadas, obrigado. :)

naná, obrigado. :)

flour, concordo. é por aí o caminho que devemos seguir. :)

maluca, admiro mesmo... sem elas acho que nem valia a pena andar aqui. :)

Me disse...

“Yes, we praise women over 40 for a multitude of reasons. Unfortunately, it's not reciprocal. For every stunning, smart, well-coiffed, hot woman over 40, there is a bald, paunchy relic in yellow pants making a fool of himself with some 22-year old waitress. Ladies, I apologize. For all those men who say, "Why buy the cow when you can get the milk for free?", here's an update for you. Nowadays 80%of women are against marriage. Why? Because women realize it's not worth buying an entire pig just to get a little sausage!”
― Andy Rooney

Bagaço Amarelo disse...

me, lol! muito bom. :)

SoNosCredita disse...

como eu me identifico com isto... obrigada!

Bagaço Amarelo disse...

sonoscredita, eu é que agradeço :)