1.01.2016

pensamentos catatónicos (342)

Estou quieto

É dia 1 de Janeiro e eu estou quieto. Tenho a sensação que a chuva veio com a intenção de tornar as ruas desertas. Talvez o céu não tenha gostado muito do fogo de artifício da última noite, nem das pessoas que gritavam frases imperceptíveis nas ruas.
Lembro-me de ouvir em qualquer lado que vozes de burro não chegam ao céu. Não gostando do princípio sobranceiro da frase, ela serviu pelo menos para eu saber que de vez em quando o céu até nos ouve.
Foi só por isso que repeti várias vezes a palavra "Amo-te", à espera que tu a ouvisses. Se isso acontecer, por favor reage. Se não gostares, chove-me. Eu estou quieto.

4 comentários:

Maria Eu disse...

Há-de ouvir-te, verás. :)

Bom ano, Bagacinho!

Beijo. :)

Bagaço Amarelo disse...

Obrigado Maria Eu. Bom ano para ti. :)

Claudia Sousa Dias disse...

Hás-de ouvi-la sim! Um bom ano!

Bagaço Amarelo disse...

Claudia sousa dias, bom ano. :-)