6.08.2015

que não me faças sofrer por ti

É um alívio saber que um grande Amor de hoje pode ser apenas uma vã lembrança amanhã, mas é um alívio ainda maior percebermos que às vezes pensamos que um Amor é grande quando, de facto, não é.
Os grandes Amores são aqueles que se vivem, não aqueles que apenas se querem viver. Quando sofremos por um Amor que nunca o chegou a ser, aproveitemos a dor, que será tão passageira quanto não foi esse Amor.
Quando sofremos por um Amor vivido, aproveitemos essa espécie de Amor que nos faz sofrer sem ter razão para isso.
Eu, agora que disse isto, peço-te que não me faças sofrer por ti.

wfc.pt

2 comentários:

Maria Varredora Pau de Vassoura disse...

Pequeno texto mas com muito significado.
Adorei...

(espero q não sofras muito) ;)

Bagaço Amarelo disse...

Maria Varredora Pau de Vassoura, da dor que deveras sinto não sofrerei. :)