1.02.2012

conversa 1868

Ela - O que é tu gostavas mesmo que acontecesse em 2012?
Eu - Acho que gostava de assistir a uma mudança política para a esquerda que pusesse um fim definitivo à pobreza e à miséria. E tu?
Ela - Bem... com essa resposta até perdi a vontade de dizer...
Eu - Vá lá, diz lá...
Ela - Eu estava a pensar que gostava que me crescessem as mamas um bocadinho.

36 comentários:

Jakim disse...

Eu gostava de ter visto aqueles momentos seguintes a esta conversa. :)

bagaco amarelo disse...

jakim, eu, caso os desejos se confirmem, prefiro vê-la daqui a uns meses. sei lá... :)

Jude disse...

Acho que ambos os desejos são um bocadinho difíceis de realizar. Pelo menos o dela ainda é possível, quanto mais não seja por métodos 'mágicos'! ;)

Nelson Freitas disse...

Tenho de começar a ler estes posts fora do local de trabalho. Que gargalhada! Muito bom.

Maria disse...

Ahahah, cada qual com o seu desejo.
Todos são válidos, uns muito mais, outros muito menos. O que importa é desejar.

Poison disse...

é tudo uma questão de prioridades ;)

Malena disse...

Ahahahahah! Diz-lhe que lhe dou um bocado das minhas!!! :P

PM disse...

Ela - O que é tu gostavas mesmo que acontecesse em 2012?
"Eu - Acho que gostava de assistir a uma mudança política para a esquerda que pusesse um fim definitivo à pobreza e à miséria. E tu?
Ela - Bem... com essa resposta até perdi a vontade de dizer...
Eu - Vá lá, diz lá...
Ela - Eu estava a pensar que gostava que me crescessem as mamas um bocadinho."
Eu - Também seria uma mudança. Falta saber se para a esquerda ou para a direita!... :p

bagaco amarelo disse...

jude, naa... mais depressa o socialismo do que mamas grandes. :)

nelson freitas, lol! e fora das reuniões de condomínio. :)

maria, olha que há desejos perigosos. :)

poison, lol. :)

malena, olha que eu digo mesmo. :)

pm,lol... ou para cima. :)

Brisa disse...

Basicamente, quando estamos felizes somos mais capazes de fazer os outros felizes. Ela está tão certa quanto tu! :) Bom 2012!

Ana Sá disse...

Coitada, nem é pedir muito!

Menino De Sua Mãe disse...

ah, e tanto rapaz por aí a desejar que este ano crecessem as mamas da sua rapariga, e com a dita rapariga a desejar é paz no mundo e fins definitivos da pobreza e da miséria... ;)

mas gosto de vos ver assim. feliz ano novo, bagaço!

bagaco amarelo disse...

brisa, boa! :)

ana sá, não é pedir muito, não. até porque, na minha opinião, não precisa de muito. :)

menino de sua mãe, bom ano também. :)

Anónimo disse...

ó carago, quer engravidar! ;)

redonda disse...

:) parece-me que o desejo dela terá mais probabilidades de se realizar...

Carmo disse...

Que desejo mais fácil de concretizar o da tua amiga, se ela quiser eu dou-lhe uns contactos de cirurgões estéticos. Sim, já recorri, mas para reduzir, detesto peito grande.

O teu desejo é que se concretizável será a longo prazo. Desde miúda sempre ouvi a esquerda dizer: "vamos acabar com os ricos" e isso quereria dizer o quê, ficarmos todos pobres? É só um desabafo, claro que sou a favor da igualdade de oportunidades, do respeito pelo ser humano, da dignidade humana.

bagaco amarelo disse...

anónimo, lol. :)

redonda, tu não me digas isso. :)

carmo, a definição de "rico", só por si, pode ser conturbada. mas não deves ter ouvido tantas vezes assim essa frase. ouviste uma vez e ficou-te marcado na memória, o que é normal. Ser de esquerda não é isso. Muito pelo contrário. :)

Josh Gottam disse...

UIIIIII! Que redutor :)
Vá lá que as mulheres ainda estão anestesiadas pelas festas ;)

Cláudio disse...

Mulheres que degredo

Carmo disse...

Eu só não queria era ser pobre, era assim que pensava em miuda... já tinha vivido a guerra colonial, foi uma grande dose.

Não tenho preferências politicas, nem futebolisticas, nem religiosas!
São-me completamente indiferentes. De vez em quando vejo os debates da AR. Tenho a certeza que no Júlio de Matos (sanatório) falam com mais sentido sobre as coisas.

bagaco amarelo disse...

josh gottam, não acho redutor, até porque ela quer aumentar e não diminuir. :)

cláudio, não acho nada. :)

carmo, a política não nos pode ser indiferente. é essencial para a nossa vida porque determina a forma como nos organizamos. quando nos afastamos dela estamos a deixar que outros decidam por nós. é por isso que isto está assim. :)

Sinnerman disse...

Mais rapidamente lhe crescem as mamas, parece-me...

bagaco amarelo disse...

sinnerman, ou não. sabe-se lá. :)

Carmo disse...

Eu sei, mas para ser simpatizante de politica tenho que ter uma noção, quais são as ideologias, como se aplicam nas sociedades, como funcionam, quais os resultados e eu não sei nada. Nunca ninguém me falou de politica, nem em casa (cresci em Africa) nem na escola e olha que foram mesmo muitos anos. O que eu ouço na TV soa-me a palhaçada, a opinião dos outros não tem que ser a mais correcta para mim, logo eu e milhares como eu são neutros, lamentavelmente. Vivo no meu mundinho à parte de grandes realidades por aí. Não será o mais correcto mas é o que me é oportuno.

No entanto percebo que para as sociedades evoluirem tem que haver capital - capitalismo - e isso leva a patrão/empregado.

Sei lá Bagaço, falamos melhor outro dia.

bjinho

Fatyly disse...

Se for garotinha que aguarde, se for já mulher feita que faça ginástica cardio-respiratória e logo verá o efeito. Caraças nunca estão satisfeitas com o que têm e agora é uma correria doida à retirada de implantes por terem defeito. Por favor!!!

Eu vou mais pelo que tu gostavas!

bagaco amarelo disse...

carmo, estamos de acordo que a maior parte do que se ouve na tv é palhaçada. Há outras formas de lá chegar. Por estes tempos confunde-se muito a definição de Política com a de Economia. Não são o mesmo, mas na maior parte das opções que se tomam interessam uma e outra. É o modelo económico que se defende que nos define como sendo de Esquerda ou de Direita (sinceramente, quando me aparece alguém a dizer que não tem lógica ser de Esquerda ou de Direita, penso loogo que é um totó qualquer). Os modelos económicos baseiam-se sempre em modelos económicos teóricos. o actual (neoliberalismo), que a maioria defende, tem como Pai um gajo que se chamava Milton Freedman. O neoliberalismo não é bem um regresso do liberalismo mas sim uma reinvenção. O liberalismo tem outros pais mas eu, que sou de Esquerda, sou também Marxista. Isso quer dizer que sou Socialista. Podes começar por aí. Se te apetecer claro... www.esquerda.net :)

fatyly, essas com defeito são duma empresa francesa. por mim seriam também o suficiente para me afastar de tal ideia. :)

Lily disse...

Ehehehe... desde que não seja à custa de umas coisas francesas que por aí andam, tudo bem!!!

bagaco amarelo disse...

lily, lol. :)

Anónimo disse...

Hmm, acho que a tua amiga é mais realista...
EJSantos

bagaco amarelo disse...

ejsantos, lol. :)

Me,myself & I! disse...

Eh,eh,eh!
E depois?
Silêncio constrangedor,não?

bagaco amarelo disse...

memyselfandiII, lol. Eu não me constranjo. :)

Apple disse...

OMG lolol que desejo tão... futil.lol mas ou menos é fácil de concretizar :)

bagaco amarelo disse...

apple, eu até nem acho fútil. :)

Anónimo disse...

ahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahahhahahahahahahahhahahahahah eu e o meu namorado!!!!

Bagaço Amarelo disse...

anónimo, :)