9.22.2010

conversa 1599

(no café)

Ela - Tenho consciência que não sou muito feia nem muito bonita.
Eu - Eu acho que és bonita.
Ela - Também acho que de corpo não sou assim nem muito má nem muito boa. Sou mais ou menos...
Eu - Hum, hum...
Ela - Então não dizes que sou boa?
Eu - Digo, digo... se quiseres eu digo.
Ela - Oh! Agora já não conta.
Eu - Desculpa. Estou a tomar café, nem te estava a dar atenção.
Ela - Pois... é que em conversa também só sou mais ou menos, não é?
Eu - Não, não. És boa de conversa.
Ela - Não mintas.
Eu - Então faço o quê?
Ela - Cala-te!

16 comentários:

Fatyly disse...

Pelo teu "hum, hum" deve ser mesmo boa e obedeceste perante uma "indefinida-que-não-sabe-o-que-ou-quem-é? :))))

Claudia disse...

Essa do "cala-te" soa-me tão familiar, ahahah

bagaco amarelo disse...

fatyly, é mesmo, sim... mas um homem sabe lá o que pode e deve dizer... :)

claudia, olha... a mim também. :)

Sun disse...

Tinhas que dzer que ela é mto boa. ok? :D

*

bagaco amarelo disse...

sun, ainda achava que eu a estava a tratar como um objecto. :)

Sun disse...

Olha que não. O mau humor repentino acho que veio daí lol :)

*

bagaco amarelo disse...

sun, pois... mas eu já me habituei a uma certa imprevisibilidade. :)

Sun disse...

Não acho nda imprevisivel loolo

Gosto imenso destas conversas :)

*

bagaco amarelo disse...

sun, obrigado. :)

TM disse...

Não há quem compreenda as mulheres...
Nem eu, que sou mulher... :S

bagaco amarelo disse...

tm, alguém deve haver, caramba. :)

Sofia disse...

Lol! A minha cabeça quase que deu um nó :-)
Beijo,Sofia

bagaco amarelo disse...

sofis, a minha já não ata nem desata. :)

Anónimo disse...

ahahah, adorei essa do não atar nem desatar, assim é que estas bem :)
Beijo x
P.S.

mariana disse...

tal e qual:P

bagaco amarelo disse...

anónima, sei lá. :)

mariana. :)