5.26.2015

respostas a perguntas inexistentes (308)

O Dia Seguinte

Há uma altura em que deixamos de gostar do nosso aniversário. É a mesma altura em que quando dizemos a nossa idade a alguém que acabámos de conhecer, queremos sempre ouvir a banalidade de que parecemos mais novos. As banalidades são boas e vêm sempre acompanhadas do dia seguinte, que é o melhor de todos. O dia seguinte é aquele em que não fazemos anos e ainda falta um ano inteiro para os fazer de novo. O tempo torna-se uma expectativa tão grande e despreocupada como quando somos novos.
Aos quarenta, já aprendemos que o dia seguinte se torna sempre o mais importante. Até no Amor. Quando um homem se apaixona por uma mulher e a leva para a cama (digo isto tendo a consciência que é sempre ela que o leva para a cama a ele), não é esse o momento mais ansiado, mas sim o dia seguinte. O dia seguinte é aquele em que o sexo já está consumado e todas as conversas se libertaram do jogo do engate. 
Quando a coisa corre muito bem, talvez ela até se levante antes dele e passeie nua pelo quarto como se a sua nudez fosse habitual. Só aí, um homem sorri por dentro sem sorrir por fora.
O dia seguinte é o verdadeiro dia das apresentações. Os corpos já se conhecem, por isso só falta o resto. E isto acontece mesmo quando ambos já saíam há anos, porque a nudez é sempre uma novidade.
Quando um Amor termina, o que acaba com ele não são as expectativas da primeira noite, mas sim a promessa criada no dia seguinte. Foi nesse dia que nos mostrámos tal como queremos ser  o resto da vida: apaixonados. Cada grito, cada ofensa, cada mal estar ou zanga que surja no futuro vem desmentir tudo aquilo a que nos propusemos no dia seguinte.
A primeira noite é apenas um beijo. O dia seguinte é tudo. Às vezes nada.


7 comentários:

Lullaby disse...

fico com o coração apertadinho quando te leio estas coisas! :)

Bagaço Amarelo disse...

Lullaby, obrigado. :)

Fatyly disse...

Dá que pensar...dá que pensar...e gostei imenso!

Abraços

Flash disse...

Gosto muito, mas mesmo muito, de o ler. E acho que compreende muito as mulheres. Bom dia. :)

CM disse...

O dia seguinte tem um fascínio enorme...seja pela surpresa boa, seja pelas expectativas frustradas, seja por nunca se saber o que vai acontecer :)

Cisne disse...

Fico sem palavras com a maneira como traduzes o que toda a gente sabe ou sente. É maravilhoso, obrigada.

Bagaço Amarelo disse...

fatyly, beijinho. :)

flash, obrigado. :)

cm, obrigado. :)

cisne, obrigado pela presença. :)