3.25.2013

conversa 2001

(na minha casa)

Ela - Qual é o lugar da casa mais importante para ti?
Eu - Não sei... não faço ideia.
Ela - És um sortudo, então.
Eu - Porquê?
Ela - Para mim é a casa de banho. A sanita propriamente dita.
Eu - Porquê?
Ela - Porque é o único sítio onde consigo estar longe do meu marido, e mesmo assim tive que o proibir de entrar quando lá estou. Há mínimos...
Eu - Mas queres estar longe do teu marido? Até pensava que se davam bem...
Ela - E damos, mas preciso estar longe dele na mesma. Ainda hoje lhe pedi, muito simplesmente, para tomar conta da sopa que estava a fazer enquanto eu ia à casa de banho. Acreditas que me foi bater não sei quantas vezes à porta para fazer perguntas?!
Eu - Que perguntas?
Ela - "Onde é que está a colher de pau?", "A sopa está a ferver. Desligo ou diminuo o lume?", "Passo tudo com a varinha mágica?", "Como é que se tempera a sopa?". Coisas do género...
Eu - Qual é o problema?
Ela - O problema é tu estares a perguntar-me qual é o problema. Desisto!
Eu - Não percebo.
Ela - Não percebes porque de certeza que a tua namorada não te vai fazer perguntas desnecessárias sempre que estás na casa de banho. Não percebes porque sabes o que é ter tempo só para ti, sem ninguém a chatear. Isso porque as mulheres sabem fazer tudo e os homens não sabem fazer nada.
Eu - Pronto, tem calma!
Ela - Posso ir um bocadinho à tua casa de banho sem ninguém me chatear?
Eu - Podes, podes...

18 comentários:

Dri disse...

estou completamente solidária com Ela!!!

Anónimo disse...

Eu faço igual.
Quando os miudos entram em guerras entre eles e começam: ó mãe a carolina fez isto" - "ó mãe mas o pedro fez peimeiro!" "o emanuel está a chamar-em burro"...
eu refugio-me na casa de banho. Eles chamam, eu digo que estou na casa de banho, e eles calam-se por momentos. Aproveito para respirar fundo. Saio da casa de banho e recomeça a gritaria entre eles, mas entretanto eu já fiz o meu exercio de acalmamento, e retomo a paciência de jó.

Carla

Bagaço Amarelo disse...

dri, eu cá também, apesar de tudo. :)

carla, método generalizado, portanto. :)

Ana Ricardo disse...

Bem...acho que a compreendo :D deve ser o único lugar da casa onde podemos proibir a entrada de outros, eu cá sou das que pensam, no wc :)

Miúda Pálida disse...

segui (:

redonda disse...

O final do texto está engraçado :) Ainda bem que esta Ela tem um amigo assim :)

Bagaço Amarelo disse...

ana ricardo, eu já joguei computador... por isso... :)

miúda pálida, obrigado. :)

redonda, :)

*Lili* disse...

Não tenho razões de queixa :) cá em casa é tudo partilhado, cozinhamos à vez, fazemos a lida doméstica à vez, e sim, a casa de banho também se partilha... não vejo mal nisso :) se pretendo privacidade vou dar uma volta ou refugio-me nalgum sitio...
Sempre fui e sou da opinião que vida em conjunto é uma vida a 3, ela , ele e o casal. Há que saber dar privacidade mas também há que saber partilhar :)

Maria disse...

Ela foi mesmo para o teu wc? :)

Anónimo disse...

Para mim, o lugar mais importante da casa é a minha cama. Até pode "estar na cozinha", que é para mim o lugar mais importante.
E nem pensar emacordar-me antes da hora (isso fica para o meu filho bébé! :-O)

EJSantos

Fatyly disse...

Realmente a maioria dos homens não sabem das coisas porque também elas habituaram-nos mal.

Quanto ao WC informem-se ou leiam ou falem com o vosso médico sobre o quanto "nocivo é para o vosso corpo", o estar sentado numa sanita durante horas.

Bagaço Amarelo disse...

lili, boa perspectiva. :)

maria, foi... mas não o limpou: :)

ejsantos, nesta hora ensonada, concordo contigo. :)

fatyly, é? não fazia ideia. :)

Fatyly disse...

é meu amigo e principalmente mais para o homem pela sua anatomia: hemorroidal e quando dão por ela...já têm de ser operados. A posição de sentado na sanita sem dares por isso faz-se um enorme esforço no reto/ânus e assim para evitar um problema de reboliço em casa, arranjam outro muito mais grave.

As crianças também.

e a mulher se não for bem "vigiada" na hora do parto,(a maioria os médicos põem um tampão para evitar varizes que formam as hemorróidas) pode padecer e piorar com essa história do WC.

Há um médico cirurgião que é meu amigo e que diz com imensa graça: todos nós devemos ir ao WC apenas e tão só para despejar a tripa, a bexiga, VER SEMPRE AS CORES DAS FEZES, despejar o autoclismo, ver se não deixa escritos na sanita, lavar as mãos e sair.
Quer estar só que se enfie na dispensa ou num guarda-fatos e leia com uma lanterna. Mas sabes amiga é por este hábito nocivo de anos e anos, que tenho tantos(as) clientes e alguns já num estado que não te passa pela cabeça! (todo o intestino vai sendo afectado)

Há bem pouco tempo ocorreu isso com um dos meus: tudo ok, de repente levantou-se da cadeira num mar de sangue. Não entrei e não deixei entrar em pânico, recostou-se no sofá, toalha turca molhada com àgua fria, bem fria, 112, e com a minha velha frase: sempre que estás no WC é mais que uma hora...o que te disse ao longo destes anos?
Vai correr tudo bem...operação, uma noite de internamento, duas semanas de recuperação e de facto correu tudo bem. Veio com a recomendação nº.1 : na sanita só o tempo necessário para..., alimentação recheada de verduras, muita fruta, sopa...ou seja...saudável! E livros e revistas, cruzadas e diabo a sete desapareceram do WC:)

Aprendi isto em pequena com um velho de um kimbo (pai de uma amigo de infância) e nunca mais esqueci e tenho passado o testemunho...e aprende que eu não duro sempre.

Desculpa, mas jamais querer ser mais esperta que os outros e muito menos médica:), coisas que podemos evitar com boas posturas de anos!!!!

Beijos

Bagaço Amarelo disse...

fatyly, obrigado. nunca mais vou ser o mesmo. :)

caracois indomaveis disse...

Eu conheci uma que nem no WC estava em paz!

Olga disse...

Compreendo o ponto de vista dessa tua amiga. Por outro lado ela que tente imaginar o que é chegar a casa todos os dias e não ter ninguém à espera, ninguém com quem falar, ninguém para chatear. Talvez assim se dê um bocadinho mais de valor ao que se tem. :)

Bagaço Amarelo disse...

caracois indomaveis, eu também... :)

olga, boa. :)

DC disse...

Toilet therapy. :)